Mais de 100 pilotos participam do Campeonato Catarinense de Kart em Brusque

Evento, o mais importante do estado na categoria, aconteceu neste fim de semana no Kartódromo Municipal

Mais de 100 pilotos participam do Campeonato Catarinense de Kart em Brusque

Evento, o mais importante do estado na categoria, aconteceu neste fim de semana no Kartódromo Municipal

A 41ª edição do Campeonato Catarinense de Kart, no qual Brusque foi sede pela segunda vez, superou as expectativas da organização. A competição, realizada no Kartódromo Municipal, recebeu 110 pilotos do estado e também do Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo e contou nos três dias de disputa com um público superior a 2,5 mil pessoas.

O evento, promovido pela Federação de Automobilismo de Santa Catarina (Fauesc) sob a organização do Automóvel Kart Club de Brusque (AKCB) foi decidido em etapa única. Ao todo foram 16 categorias. Na sexta-feira, 27, aconteceu o sorteio de motores e dois treinos livres por categoria. No sábado, 28, foi realizada a tomada de tempos e duas baterias, que definiram o grid de largada da grande final.

As categorias cadete (crianças até 11 anos), F4 Graduados (motor quatro tempos) e a TAG (motor dois tempos com embreagem) foram as que mais receberam inscritos. O presidente da AKCB, Aknaton Camargo, avalia que o campeonato foi sucesso em número de pilotos e de público, além do alto nível técnico dos competidores.

“O evento lotou um hotel de Brusque e outros dois ficaram em meia lotação. A disputa não traz apenas os competidores para a cidade, vem os mecânicos, os auxiliares, os familiares. Fomos muito elogiados e estamos muito contentes com o resultado”.

Camargo diz que correram em Brusque mais de 60 pilotos que competiram no Nacional de Kart neste ano, com destaque para três campeões brasileiros de 2017. “Ter nomes de destaque engrandece ainda mais a disputa”.

Durante o campeonato, que homenageou no primeiro dia de provas os ex-presidentes da AKCB, registrou um acidente no sábado. Um piloto de Joinville, da categoria Sênior (acima de 42 anos) sofreu queimadura de segundo grau no antebraço esquerdo após o acavalamento do seu kart. Ele foi atendido no local e levado ao Hospital Azambuja. Ele está bem.

Volta triunfal

Carlos Henrique Rosin foi campeão na categoria Tag/ Ana Paula Rosin

Afastado das pistas desde 2011, Carlos Henrique Rosin, o Rick, 31 anos, de Brusque, foi campeão na categoria Tag. Ele fez os melhores tempos nos treinos e nas duas classificatórias de sábado. No domingo finalizou 15 voltas em apenas 13 minutos.

Com 9 anos, em 1995 Rick começou a correr e desde então participou de muitas disputas, inclusive fora do país. Em 2011 parou de participar, e por o Catarinense ser em casa decidiu voltar.

“Era um título que eu percorria há muito tempo. Eu já havia sido vice-campeão, e agora conquistá-lo pra mim foi muito importante”.

Luiz Renato Luhrs, 35, de Balneário Camboriú foi vice-campeão em duas categorias, na Tag e na Sênior. Para ele, o resultado foi positivo, pois não havia treinado para a disputa. ” Fui tetra vice-campeão – em 2015 e 2016 fui vice e neste ano fui vice duas vezes -. Pela grandiosidade do evento, este título significa muito”, destaca.

Resultados
Fireball
Arthur Argenta

Tag
Rick Rosin

Júnior Menor
Mayke Naderer

Graduados Junior
Stefano Marins

Graduados
Jeam Morlo

Cadete
Enzo Marins

Sênior A
Leonardo Nienkotter

Sênior B
Maurício Pacheco

Super Sênior
Edward Fachini

F4 Júnior
Willin Rampinelli

F4 Super Sênior
Jose Spengler Neto

Mirim
Enzo Nienkotter

Novatos
Gustavo Moura

F4 Graduados
Eduardo Guidi

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio