Medida de segurança garante cargo de policial afastado

Roberto José Lidio, o Azul, deve voltar às suas funções na delegacia de Guabiruba

Medida de segurança garante cargo de policial afastado

Roberto José Lidio, o Azul, deve voltar às suas funções na delegacia de Guabiruba

Afastado desde o início do março, Roberto José Lidio, conhecido como Azul, deve voltar às suas funções na delegacia de Polícia Civil de Guabiruba. Ele havia sido demitido por envolvimento com a Operação Arrastão. Na última semana, ele entrou com um mandado de segurança e deve voltar ao cargo na próxima semana.

A decisão foi do desembargador e relator do mandado Cid Goulart, do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TRE-SC). De acordo com Azul, sua demissão não poderia ter acontecido, já que o caso ainda não foi encerrado. “Até que se recorra a última instância, não poderia ser afastado de minhas funções. Por isso, devo continuar no meu cargo até o fim do processo”, revela.

Azul é um dos envolvidos Operação Arrastão, deflagrada em 2009 pela Polícia Federal, onde cerca de 25 pessoas foram indiciadas por participar de um esquema de exploração de máquinas caça-níqueis em Brusque, Tijucas, Blumenau, Canelinha, São João Batista, Itapema e Balneário Camboriú. O agente de polícia responde a processo pelos crimes de formação de quadrilha e corrupção passiva. Em setembro do ano passado, ele foi julgado em primeira instância na Vara Criminal da Comarca de Tijucas e foi condenado a três anos e um mês em regime aberto, mas recorre da decisão em liberdade.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio