Mensalidade das escolas particulares de Brusque fica mais cara em 2017

Reajuste nas instituições varia entre 9% e 12%; matrículas e rematrículas estão abertas

Mensalidade das escolas particulares de Brusque fica mais cara em 2017

Reajuste nas instituições varia entre 9% e 12%; matrículas e rematrículas estão abertas

A mensalidade dos colégios particulares de Brusque terá aumento no próximo ano letivo. Em cinco instituições de ensino pesquisadas pelo Município Dia a Dia, o reajuste varia de 9% a 12%. A inflação atrelada à manutenção das instituições e do quadro de profissionais justificam o encarecimento da mensalidade.

O diretor do Colégio Cônsul, Otto Hermann Grimm, diz que na Educação Básica o reajuste na mensalidade foi de 11,9%. No Ensino Fundamental e Médio também houve mudanças. Segundo ele, os custos da instituição com manutenção, folha de pagamentos, encargos, além de eventuais investimentos são responsáveis pelo reajuste. O diretor avalia que o número de rematrículas, já encerrado, ficou dentro da normalidade e que há uma expectativa em relação aos novos alunos: os que vêm de transferências de escolas, reprovações e os que mudam de cidade.

No Colégio Amplo, que atende estudantes do Ensino Médio e pré-vestibular, o reajuste ficou em torno de 10% e é atribuído aos custos com manutenção do espaço físico e dos professores que residem em outros municípios. A secretária geral, Graciela Régis, explica que há professores de Curitiba e Florianópolis que vêm para Brusque apenas para lecionar e que precisam que suas despesas sejam custeadas.

No Colégio Cultura o reajuste se fixou entre 10% e 11%, segundo a administrativo financeiro, Elaine Meurer. Ela conta que a inflação e a manutenção do quadro de funcionários é responsável pela definição do valor. Elaine ainda afirma que a procura de novos estudantes é satisfatória, já que as matrículas ainda não foram abertas. “Recebemos muitas ligações. Estamos satisfeitos com este início de procura”.

No Sesi Escola o reajuste foi de 9%. A coordenadora de Educação, Sandra Freitas, diz que o aumento é para cobrir a inflação. Ela aponta que 90% dos alunos são dependentes da indústria e que as rematrículas superam as expectativas. “Quem sai da creche vai para o primeiro ano e assim sucessivamente para os outros anos”.

O gestor administrativo do Colégio São Luiz, Elton Rodrigo Lepeck, preferiu não informar o valor do reajuste da mensalidade, mas diz que “não fugiu da inflação dos últimos períodos”. Ele afirma que o valor varia de série para série. O gestor ainda conta que o número de rematrículas cresceu 20% a mais do que o ano passado e que a procura por novas matrículas já chega a 5% de aumento.


Período de matrículas e rematrículas

Colégio Cônsul
Rematrícula: 10 a 17 de outubro (encerrado)
Matrícula para novos alunos: 3 a 11 de novembro

Colégio Amplo
Rematrícula e matrícula (Ensino Médio): a partir de 17 de outubro – sem data definida para terminar

Colégio São Luiz
Rematrícula: 27 de setembro a 27 de outubro
Matrícula para novos alunos: 27 de outubro até fevereiro de 2017

Colégio Cultura
Rematrícula: 24 de outubro a 7 de novembro
Matrícula para novos alunos: 7 a 30 de novembro

Sesi Escola
Rematrícula: 10 a 21 de outubro
Matrícula para novos alunos: 24 de outubro a 21 de dezembro


Valores das mensalidades

Colégio Cônsul
Berçário: R$ 876
Educação infantil: R$ 757
Fundamental 1 (1º ano 5º ano): R$ 757
Fundamental 2 (6º ao 9º ano): R$ 845
Primeiro e segundo ano do Ensino Médio: R$ 1.008
Terceirão do Ensino Médio: R$ 1.157

Colégio Amplo
Primeiro e segundo ano do Ensino Médio: R$ 970
Terceirão do Ensino Médio: R$ 1.111,40

Colégio São Luiz
Média de R$ 779 a R$ 1.065 – dependendo a série

Colégio Cultura
Educação infantil: R$ 710
Ensino Fundamental 1 (1º ao 5º ano): R$ 750
Ensino Fundamental 2 (6º ao 9º ano): R$ 795
– Alunos que se matricularem até 30 de novembro têm R$ 50 de desconto na mensalidade paga até o vencimento

Sesi Escola
Creche integral: R$ 766
Semi integral (das 6h às 14h30): R$ 472
Parcial (manhã ou tarde): R$ 373

Anos inicias (1º ao 5º ano)
Parcial (manhã ou tarde):
R$ 485
Semi integral (dois dias integrais): R$ 717
Integral (todos os dias): R$ 869

Anos finais (6º ano 9º ano): R$ 559

– Valores para dependentes da indústria
– Incluso alimentação

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio