Conteúdo exclusivo para assinantes

Municipal de Futebol de Guabiruba estreia com a participação de nove equipes

Competição inicia no domingo, 10, com mudança na fórmula

Municipal de Futebol de Guabiruba estreia com a participação de nove equipes

Competição inicia no domingo, 10, com mudança na fórmula

Um dos campeonatos mais aguardados e prestigiados de Guabiruba está de volta para a alegria dos amantes do esporte. O Municipal de Futebol – Troféu Kohler e Cia tem início no próximo domingo, 10, e contará com a participação de nove equipes.

Muita bola e história vai rolar a partir das 9h30, horário das duas primeiras partidas, que completam a rodada a ser finalizada com dois jogos às 15h30. Aí começarão a ser respondidas algumas dúvidas: será que o Olaria vai conquistar mais um título e sagrar-se heptacampeão? O Lageadense, desta vez, impedirá mais um troféu dos maiores campeões municipais? Ou surgirá um ‘herói improvável’ entre as demais equipes?

Esta edição também é marcada por mudança na fórmula, estipulada pelos próprios clubes no congresso técnico da competição. Desta vez as equipes serão divididas em dois grupos, sendo que apenas um time será eliminado e os demais oito participantes avançam às quartas de final. Outra novidade desta temporada é que todas as partidas serão realizadas aos domingos, sem rodadas nos sábados como em disputas anteriores.

Paixão pelo futebol
Assim como foi no Municipal de Futsal de Guabiruba, os campos da cidade deverão lotar de espectadores. Isso porque a comunidade abraça os esportes de participação, principalmente o futebol, grande paixão nacional. Para a secretaria de Esportes, Marcia Watanabe, isso é o principal motivo de a competição ser realizada. “As pessoas gostam muito do campeonato, e sempre esperam pelo início. Nossa expectativa é de mais um sucesso de público”.

Segundo Marcia, já havia uma boa movimentação das equipes mesmo antes do início da competição. “Muitos times realizaram amistosos, já visando a participação no Amador de Futebol. A gente percebe que o Lageadense é o time com mais movimentação, buscou atletas de ponta de outros times, mas o Olaria vem com status de favorito por já ter um time mais entrosado”, diz a secretaria.

Fórmula
As nove equipes foram divididas em duas chaves, uma com cinco e outra com quatro. Ou seja, a Chave B, com quatro times, terá todos os seus componentes classificados enquanto apenas um time da Chave A, o pior colocado, será eliminado. Serão cinco rodadas na primeira fase que definirão o time eliminado e as disputas das quartas de final, em jogo único. Em seguida, serão realizadas as etapas semifinais e final.

Os favoritos

Pela preparação e os planteis, Olaria e Lageadense se credenciam como favoritos ao título. Atual campeão e com uma equipe que se conhece há anos – sem contar que já participou, este ano, da Copa Krona e chegou ás semiginais -, o Olaria é ligeiramente mais cotado para levar o caneco. Porém, o Lageadense se reforçou desde a última temporada, a qual sagrou-se vice-campeão, e quer desbancar o time da Guabiruba Sul para conquistar o segundo título de sua história

Retorno aos gramados

Além dos favoritos, cinco clubes voltam a disputar o amador de Guabiruba. O tradicional Cruzeiro, clube dono de um dos melhores campos da competição, entra no páreo mais uma vez. O São Pedro também está de volta para mais uma edição da competição, bem como o Caresias, presente sempre nas quadras e campos de Guabiruba. Duas equipes formadas em sua maioria por imigrantes do Norte e do Nordeste do país, Misto e Vitória entram em mais uma edição do campeonato buscando seus lugares ao sol.

Estreias na competição

As duas novidades – pelo menos nos nomes, já que muitos atletas que compõe os times já participaram defendendo outras cores – são Nacional e Poço Central. Os dois novatos caíram em chaves diferentes, e pelo menos o Nacional está garantido nas quartas de final, já que participa da chave a qual todos os times avançarão independente da posição ao final da primeira fase. Já o Poço Central terá a missão de surpreender em sua estreia e não ser o único eliminado da primeira fase, mas para isso precisará ficar no mínimo na quarta colocação de um grupo bastante competitivo.

Os palcos do amador

Quatro campos espalhados por Guabiruba serão os palcos desta edição do campeonato amador. No Aymoré é localizado o estádio João Alfredo Koehler, pertencente ao clube Cruzeiro. O Olaria é um dos mandantes com o estádio Orlando Westarb, que fica no bairro Guabiruba Sul. No São Pedro, o estádio Luiz Carminati será mais uma sede da competição e, pra finalizar, o campo do Lageadense, estádio Reinaldo Batschauer, fica à disposição no bairro Lageado Baixo.

Campeões dos últimos cinco anos:
2012 Olaria
2013 Olaria
2014 Olaria
2015 Mercado Cati
2016 Olaria

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio