Nadadores brusquenses passam a treinar no Clube de Caça e Tiro Araújo Brusque

Com fim da Extreme, Abain passa por processo de adaptação à nova casa

Nadadores brusquenses passam a treinar no Clube de Caça e Tiro Araújo Brusque

Com fim da Extreme, Abain passa por processo de adaptação à nova casa

A natação brusquense de rendimento está de casa nova. Após o encerramento das atividades da Extreme Academia, a Associação Brusquense dos Amigos Incentivadores da Natação (Abain) passa agora a realizar os treinamentos de dezenas de atletas no Clube de Caça e Tiro Araújo Brusque.

Leia também:
Governo pretende criar 90 novas vagas na UPA de Brusque

Família brusquense luta para superar dificuldades com bebê que possui doença rara

Uma das modalidades que mais traz medalhas para Brusque todos os anos, a natação agora passa por um processo de adaptação ao novo ambiente. Os atletas da Abain se preparam constantemente para aprimorar os tempos na raia.

Segundo o presidente da associação, André Ristow, a medida foi tomada de maneira rápida justamente para não desamparar os nadadores do clube, que têm neste segundo semestre uma série de compromissos como Joguinhos Abertos e Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc).

“Marquei uma reunião em caráter de urgência com toda a diretoria do clube para que tomássemos uma atitude. A opção do Caça e Tiro surgiu e foi uma unanimidade. A única condição do clube é que os atletas fossem sócios, e conseguimos, por meio desta parceria, uma condição diferenciada para isso”.

Agora, em conjunto com o clube, a Abain planeja o futuro da modalidade, com desenvolvimento da natação em Brusque. “Queremos aquecer a piscina que fica na área descoberta para usufruir do espaço, que é grande e tem condições de manter mais atletas treinando e competindo”, diz Ristow.

O projeto deve contar com todo apoio da Prefeitura de Brusque, por meio da Fundação Municipal de Esportes (FME), conforme explica José Armando Vasquez Soto, o Bay, técnico da natação da Abain. “Eles querem realizar os Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) em Brusque em 2020. Para isso precisam de uma piscina para a natação, e isso deve beneficiar nosso projeto. A FME é grande parceira da Abain”.

Leia também:
Fábrica Renaux: após pagamento dos trabalhadores, instituições começam a cobrar dívidas

Escolas de Brusque aproveitam Copa do Mundo nas atividades em sala de aula 

Os treinos no Caça e Tiro começaram há duas semanas, e a adaptação dos atletas é realizada principalmente no sentido das dimensões da piscina interna. “Nós tínhamos uma piscina de 25 metros e agora temos uma de 16 m. Por isso será importante o aquecimento da piscina externa”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio