Número de empregos em agências de Brusque é bom; veja oportunidades em aberto

No entanto, vagas exigem qualificação profissional

Número de empregos em agências de Brusque é bom; veja oportunidades em aberto

No entanto, vagas exigem qualificação profissional

Para quem busca um emprego há uma boa notícia: o mercado de trabalho tende a reaquecer durante este ano. Na “primeira semana de trabalho” de 2017, as agências de emprego já registram bom número de vagas.

A maior parte das posições exige algum conhecimento técnico ou específico e experiência. A Tempo e Trabalho registrou média de 20 empregos abertos por dia, até o momento. De acordo com Édio Bertoldi, um dos diretores, é um volume bastante elevado, ainda mais considerando a época do ano.

A Céu RH registrou grande procura de candidatos na segunda-feira, 9, quando reabriu as portas. O número de vagas não é divulgado, mas Graziano Andrade, diretor da agência, afirma que o clima entre os empresários é de otimismo.

O cenário das duas agências é reflexo do otimismo de início de ano registrado na economia. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), Brusque fechou até novembro (último dado disponível) com saldo positivo na geração de postos de trabalho, e o Brasil também apresentou resultados mais animadores na virada de 2016 para 2017.

Para Bertoldi, o alto número de vagas se deve a uma demanda reprimida de 2016. A economia ia mal, por isso os empresários estavam com medo de contratar mais. Neste ano, eles começaram mais confiantes e acabaram criando novos empregos.

“Acredito que é uma demanda reprimida, e que a melhora efetiva vai começar a partir do segundo semestre”, afirma Bertoldi. O diretor da agência está otimista para este ano em relação a 2016 – que foi bem abaixo do esperado.

Andrade, da Céu RH, considera que este ano começou com uma perspectiva melhor. “Existe, pelo menos agora na primeira semana, um clima de otimismo, de que está melhorando [a situação do país]”.

A Céu RH também sofreu com a escassez de empregos em 2016. O atendimento ao público era feito de segunda a sexta-feira, mas neste ano passou para apenas segunda-feira. Nos outros dias são feitas entrevistas.

Sine sem vagas

A agência do Serviço Nacional de Emprego (Sine) de Brusque ainda não está anunciando vagas. Segundo Claudinei Benvenutti, agente administrativo, o Sine local depende que a sede em Florianópolis libere o sistema. Mas o trabalho na capital ainda não voltou.

Vagas só deverão começar a ser expostas ao público a partir da primeira semana de fevereiro. Por enquanto, o Sine de Brusque opera somente com o seguro-desemprego. De acordo com Benvenutti, o número de pessoas solicitando o benefício é bastante grande. A média diária de atendimentos fica entre 60 e 140.


Serviço

Céu RH: agência está com atendimento ao público aberto somente às segundas-feiras. Nos outros dias são feitos trabalhos internos.

Sine: o Sine de Brusque está sem vagas no momento, mas os encaminhamentos para o seguro-desemprego continuam.

Tempo e Trabalho: atendimento para entrevistas somente com agendamento pelo telefone 3355-3880.


EMPREGO

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio