Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodrigo Santos

Jornalista esportivo - rodrigosantos@omunicipio.com.br

O dono do time

Rodrigo Santos

Jornalista esportivo - rodrigosantos@omunicipio.com.br

O dono do time

Rodrigo Santos

Neymar se tornou o dono do PSG, como se esperava, mas com uma rapidez impressionante. Distribui jogadas do jeito que quer em cima de defesas frágeis e vai começando a colecionar números. O Campeonato Francês é terrível e a superioridade vai aumentar: ontem, o clube tirou do rival Mônaco o principal jogador deles: Mbappé. A briga vai ser pelo segundo lugar.

Antes de completar 20 anos, Neymar venceu uma Copa do Brasil e uma Copa Libertadores sendo o principal jogador no Santos. No Barcelona não era a estrela principal, mas teve ótimos números, tanto que saiu de lá como o jogador mais caro de toda a história. E ainda botou crise no clube catalão, que teve perda técnica e não conseguiu, até agora, reposição no mercado (a janela de transferências espanhola fecha só hoje).

Ele tem medalha de ouro olímpica e mostrou sua importância no time do Brasil na Copa. Não jogou o 7 a 1. Neymar tem 52 gols pela seleção brasileira com apenas 25 anos. Já é o quarto maior artilheiro da história e está a três gols de igualar Romário, ainda que jogando mais partidas. É muito provável que finalmente o recorde de Pelé, de 77 gols, fique para trás.

É fácil dizer Neymar vai acumular títulos nacionais no PSG (o clube já ganhava tudo na França sem ele). A grande questão é se será capaz de vencer a Champions League ou não. Mas mesmo isso não parece ser primordial, até porque a diferença técnica para outras ligas europeias é grande. Um time francês levar a Champions seria algo memorável.

O que falta, mesmo, é ganhar uma Copa do Mundo. A chance dele conquistar o título de maior jogador do mundo passa decisivamente sobre o que ele vai fazer na Rússia. Ele é jovem, terá outras Copas para disputar e muitos outros bons números para acumular. Ele tem tudo, e aí não é exagero barato nem ufanista, para se consolidar de vez na história do futebol mundial quando Messi e Ronaldo aposentarem.



Contratações

O Brusque anunciou nesta semana a renovação do contrato do volante Mineiro, que está em fase final de recuperação da sua lesão do joelho, até maio de 2019 e a volta do também volante Ruan, de 21 anos, de passagem por aqui no ano passado. Ele pertencia ao Criciúma, onde teve um problemão: não se apresentou ao clube em janeiro, aparecendo por lá só três meses depois. O Bruscão resolveu bancar a volta do atleta, mesmo sabendo que tem problemas disciplinares.

Mais dois
Novidades de ontem foram as contratações de Alexandre Andreis, experiente preparador físico, e do goleiro Ricardo, que não teve muitas oportunidades no Bruscão na sua última passagem.

Técnico
Sem novidades no assunto da escolha do treinador. Itamar Schulle, um dos especulados, havia aceitado proposta do Novo Hamburgo, mas agora resolveu tentar o milagre de salvar o ABC de Natal do rebaixamento para a Série C. É consenso que o nome que irá comandar o Bruscão na próxima temporada deverá ter uma grande experiência.

Chapecoense
Nove meses passados da tragédia aérea na Colômbia, muito circulou por aí sobre um suposto “abandono” das vítimas. Semana passada, um encontro aconteceu entre todos os envolvidos, que afirmaram ter solucionado todos os ruídos de comunicação em prol de um entendimento. Ninguém passou necessidade, tendo recebido já uma indenização mais que suficiente para qualquer um tocar a vida. Ainda faltam questões, como o caso do seguro da companhia aérea.

Cadê
Fica a pergunta: o Campeonato Municipal de Futebol Amador que acabou terceirizado por uma empresa vai acabar quando? Já passaram meses da paralisação do torneio, por causa de uma suposta irregularidade de escalação de uma equipe.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio