Observatório Social questiona licitação do Samae para a compra de passagens aéreas

Autarquia tem mais de 15 dias para responder as perguntas feitas

Observatório Social questiona licitação do Samae para a compra de passagens aéreas

Autarquia tem mais de 15 dias para responder as perguntas feitas

Ao tomar conhecimento da abertura do processo licitatório nº 19/2017, pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Brusque (Samae), que prevê a aquisição de passagens aéreas nacionais e internacionais, o Observatório Social de Brusque (OSBr) encaminhou ofício ao órgão municipal.

No documento protocolado em 24 de agosto, o OSBr pergunta se existem viagens programadas para funcionários da autarquia, quais os destinos, motivos das viagens e quais os técnicos que irão viajar.

“Esse tipo de acompanhamento paz parte do nosso trabalho de monitorar os órgãos públicos. Estamos atentos às compras públicas, sabemos que a licitação para aquisição de passagens aéreas é um processo legal e normal na esfera municipal, e queremos saber quem vai viajar e com qual finalidade”, observa o diretor executivo do OSBr, Evandro Gevaerd.

Conforme a Lei de Acesso à Informação, o Samae tem um prazo de até 20 dias, para responder ao Observatório Social de Brusque, para que este, possa compartilhar os dados com a comunidade brusquense.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio