Operação Geada Negra: Brusque cria plano de ação em função das baixas temperaturas

Força tarefa deve percorrer as ruas em busca de situações de vulnerabilidade social

Operação Geada Negra: Brusque cria plano de ação em função das baixas temperaturas

Força tarefa deve percorrer as ruas em busca de situações de vulnerabilidade social

A Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho e Habitação emitiu alerta para as prefeituras catarinenses para o fenômeno climático conhecido pela expressão “geada negra”. O alerta pede providências para atender, o mais rápido possível, as demandas que surgirem durante o período de frio intenso.

O comunicado solicita atenção especial à população de rua devido ao risco de sofrerem hipotermia, condição em que a temperatura corporal cai abaixo do normal. A sugestão é de abrigamento, ainda que provisório, desses moradores.

Leia também

A Defesa Civil e a Secretaria de Assistência Social e Habitação de Brusque anunciaram na tarde desta sexta-feira, 19 de julho, um plano de contingência para atender a demanda. A ação, batizada de Operação Geada Negra, deve iniciar na noite de domingo, 21 de julho, mas há possibilidade de movimentação já no sábado, caso as temperaturas caiam bruscamente.
 
O objetivo da ação conjunta é criar uma força tarefa com o intuito de percorrer as ruas a partir de uma determinada temperatura mínima, recolher as pessoas em risco e acolher na Arena Brusque, onde haverá pessoas que darão apoio com alimentação, banho e leito.
 
Será feito uma escala de trabalho, com turnos de 7 horas, com profissionais das duas pastas aptos para buscar, receber e abrigar essas pessoas.
 
Mais informações com Sgt. Evandro de Mello do Amaral, Diretor Geral da Defesa Civil de Brusque, 8804-3403 ou Helton Horner, psicólogo da Assistência Social, 8820-8039. 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio