Orquestra de Brusque representa Brasil na Copa Mundial de Acordeon

Grupo brusquense, sob a direção do maestro Bruno Moritz, é o único representante brasileiro no evento internacional

Orquestra de Brusque representa Brasil na Copa Mundial de Acordeon

Grupo brusquense, sob a direção do maestro Bruno Moritz, é o único representante brasileiro no evento internacional

A Orquestra de Acordeon de Brusque viaja no próximo domingo, 19 de agosto, para participar da 65ª Copa Mundial de Acordeon, entre 21 e 25 de agosto, na cidade de Spoleto, na Itália. O grupo brusquense, sob a direção do maestro Bruno Moritz, é o único representante brasileiro no evento internacional para acordeonistas. O convite foi feito pelo organizador da edição de 2012 da Copa Mundial de Acordeon, Mirco Patarini.
A participação da Orquestra de Acordeon de Brusque está marcada para o dia 24 de agosto. Bruno Moritz explica que a apresentação destacará músicas brasileiras. No repertório, estão clássicos como ‘Brejeiro’, de Ernesto Nazareth, e ‘Carinhoso’, de Pixinguinha. O grupo brusquense também participará da Orquestra Mundial de Acordeon (World Accordion Orchestra) que reúne os principais acordeonistas presentes no evento internacional.

O maestro explica que a Copa Mundial de Acordeon chega a 65ª edição consolidada como um evento tradicional na Europa e na América do Norte. “Esperamos que a participação da Orquestra de Acordeon de Brusque seja o primeiro passo para tornar o evento internacional conhecido também aqui no Brasil”, ressalta Moritz. A programação da Copa Mundial de Acordeon está disponível no Calendário de Eventos de 2012 (Schedule of Events) no site www.coupemondiale.org.

Orquestra de Acordeon de Brusque
A Orquestra de Acordeon de Brusque foi formada em setembro de 2009 e realiza diversas apresentações em Brusque e região. O grupo trabalha com músicas do repertório tradicional, músicas que não são comuns para arranjos no acordeon e linhas temáticas como choro. Atualmente a Orquestra é composta por nove integrantes.
De acordo com o maestro Bruno Mortiz, o objetivo do projeto é apresentar e resgatar o acordeon, bem como a história dos principais músicos que fizeram e fazem parte do cotidiano do povo brasileiro nos diversos aspectos. O acordeonista explica que o instrumento está ligado a diversos períodos da história do país com ritmos, danças e festas, além de grandes representantes na cultura popular.
Em 2011, a Orquestra de Acordeon de Brusque lançou seu primeiro CD. O material é fruto do projeto contemplado pelo Fundo Municipal de Apoio à Cultura. A obra é uma amostra do que o grupo de acordeonistas desenvolveu durante dois anos de atividades.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio