Palácio das Serpentes, no Beto Carrero, é aberto ao público

Após seis meses fechado para reforma, o serpentário reabre com novos espaços pedagógicos

Palácio das Serpentes, no Beto Carrero, é aberto ao público

Após seis meses fechado para reforma, o serpentário reabre com novos espaços pedagógicos

A partir desta quarta-feira, 8, quem volta a ser atração no Zoo são as exóticas e temidas serpentes. Após seis meses de reforma, o Palácio das Serpentes reabre com novos espaços e espécies.

O serpentário antes era apenas um local para visitação agora se tornou um ponto de aprofundamento pedagógico.

– Nós repaginamos este espaço para que o visitante saia daqui com mais do que uma foto, mas com uma bagagem de informações sobre o mundo dos répteis – explica a Coordenadora do Zoo, Kátia Cassaro.

Painéis informativos e curiosidades, peles, ossadas, e até um esqueleto de uma Píton de aproximadamente três metros e meio fazem parte do novo espaço.

Serpentes novas na área
Ao todo são 14 serpentes das mais variadas espécies. Entre as venenosas estão a Cascavel, Jararacuçu, e a Surucucu do Pantanal.

Já as recentes são: Caninana, Corn Snake, Píton Albina, e Jiboias de grande porte que chegam a pesar em média 40 quilos cada uma.

Para que os animais se sintam em casa, todos os terrários foram adaptados conforme o habitat natural de cada espécie. Tem até cachoeira.

* Com informações da assessoria de imprensa do Beto Carrero World
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio