Paulo Eccel garante que não fará novas exonerações em seu governo

O prefeito de Brusque diz ainda que não teme retaliações nas próximas votações do Legislativo

Paulo Eccel garante que não fará novas exonerações em seu governo

O prefeito de Brusque diz ainda que não teme retaliações nas próximas votações do Legislativo

O prefeito Paulo Eccel garantiu que as mudanças no quadro do governo municipal de Brusque estão, por ora, encerradas. A confirmação veio na solenidade em que Luís Carlos Schlindwein foi anunciado como novo diretor geral do Procon, na manhã desta segunda-feira, 24 de fevereiro.  “Quem era pra sair já saiu, agora iniciamos o processo de recomposição”.

Eccel diz já ter encerrado também as conversas com PMDB e PP, partidos cujos membros que se dividiram na hora de apoiá-lo na Câmara. O que ficou acertado é que ambos permanecem na base aliada. 

Eccel diz que os vereadores ex-base aliada devem explicações unicamente a seus partidos, e que não teme retaliações nas próximas votações do Legislativo. “O que eu espero da Câmara é que os vereadores façam aquilo que eles falam quando são entrevistados, que votem nos projetos bons para a cidade. E como nosso objetivo é só encaminhar projetos bons, espero que o voto seja no mesmo nível”, avalia.

Depois do anúncio do novo diretor do Procon, resta saber que irá assumir o cargo deixado por Célio Camargo na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda. Eccel afirma que irá buscar um nome ligado ao setor empresarial, que possa “tratar daquilo que vivencia”.

>> Paulo Eccel falou das mudanças em seu governo. Ouça a entrevista na íntegra.


>> Leia matéria completa na edição desta terça-feira, 25 de fevereiro, do jornal Município Dia a Dia

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio