Pauta trancada por retirada de projeto na Câmara de Brusque

Vereador Dejair Machado (PSD) disse que tinha dúvidas sobre o projeto nº 82/2011 e, em consenso, documento foi retirado de pauta. Como prazo para apreciação do projeto já havia terminado, nenhum outro item da pauta pode ser votado

Pauta trancada por retirada de projeto na Câmara de Brusque

Vereador Dejair Machado (PSD) disse que tinha dúvidas sobre o projeto nº 82/2011 e, em consenso, documento foi retirado de pauta. Como prazo para apreciação do projeto já havia terminado, nenhum outro item da pauta pode ser votado

Sessão foi suspensa por cinco minutos e encerrada em seguida – Crédito: Aline Wernke
Marcada por muitos debates, a sessão da Câmara de Vereadores de Brusque desta terça-feira, 14 de fevereiro, foi encerrada antes do previsto. O primeiro projeto a ser colocado em discussão foi o nº 82/2011, de origem executiva. 
O documento institui a tabela de preços para execução dos serviços prestados pelas Fundação do Municipal do Meio Ambiente (Fundema), e estava na Câmara desde 5 de dezembro do ano que passou. 
Na ocasião, o projeto foi remetido para o Poder Legislativo em Regime de Urgência. Colocado em votação só agora, o vereador Dejair Machado (PSD) disse que havia erros no projeto, e pediu que fosse retirado de pauta. 
A sessão foi suspensa por cinco minutos e os vereadores chegaram ao consenso que seria melhor retirar o projeto de pauta.
Com o projeto retirado, devido o término do prazo de Regime de Urgência de 30 dias para votação, nenhum outro item da pauta pode ser votado.
Por isso, 10 itens da ordem do dia, entre eles projetos, moções, requerimentos e pedidos de informações, ficaram para ser votados no próximo dia 23 de fevereiro, às 18 horas, quando haverá nova sessão ordinária.

**Você lê mais detalhes sobre a reunião na edição impressa do Jornal Município Dia a Dia de 16 de fevereiro.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio