Pedido conjunto solicitará funcionários para o Instituto Anjos do Peito

Demanda da entidade, que auxilia mães em fase de aleitamento, foi exposta a vereadores em reunião na Câmara

Pedido conjunto solicitará funcionários para o Instituto Anjos do Peito

Demanda da entidade, que auxilia mães em fase de aleitamento, foi exposta a vereadores em reunião na Câmara

Vereadores da Câmara de Brusque comprometeram-se a apresentar requerimento em conjunto solicitando ao prefeito que ceda ao Instituto Catarinense Anjos do Peito (ICAP) dois servidores do quadro funcional da Secretaria de Saúde para atuarem na entidade.
A proposta foi levantada na última quarta-feira, 20, em reunião entre a fundadora do ICAP, Angelina Lúcia Tarter, a vereadora Ana Helena Boos (PP) e os vereadores Claudemir Duarte, o Tuta (PT), Deivis da Silva, o Deivis Jr. (PMDB), Leonardo Schmitz (DEM), Marcos Deichmann (PEN), Nino Gamba (PSB) e Paulinho Sestrem (PRP).
No encontro, Angelina expôs aos parlamentares as dificuldades que tem enfrentado para dar continuidade ao trabalho de orientação a lactantes e mães que necessitam de doação de leite para alimentar seus bebês.
Servidora pública municipal, ela é liberada de sua jornada semanal de 40 horas para desenvolver as atividades no âmbito do instituto. O problema é que, sendo a única funcionária do Anjos do Peito atualmente, faz sozinha atendimentos noturnos e também pela madrugada, além de administrar questões burocráticas da entidade.
O ICAP e Angelina contam com o auxílio de uma voluntária em Brusque e duas voluntárias em Guabiruba.
Na mesma oportunidade, Deichmann se dispôs a pleitear junto à direção do Hospital de Azambuja um espaço dentro do complexo para o funcionamento da sede do Anjos do Peito.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio