Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

PMDB catarinense ganhará diretoria do BNDES como “pagamento” por fidelidade a Temer

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

PMDB catarinense ganhará diretoria do BNDES como “pagamento” por fidelidade a Temer

Tornozeleira eletrônica

Raul Sartori

À venda
Se tudo der certo e Michel Temer permanecer na presidência da República, o PMDB de SC ganhará, como “pagamento” por sua fidelidade, uma diretoria do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O mapeado é um político, naturalmente.

Iguais
Casas noturnas não podem mais cobrar valor de ingresso diferente para homens e mulheres. Ótimo. Que tal também, principalmente na Ilha de SC e Criciúma, acabar com outro tipo de discriminação, que são a existência das chamadas áreas vip, normalmente destinadas a quem pensa que tem mais dinheiro e precisa mostrar que tem? Quando não dinheiro de procedência duvidosa? É uma discriminação pelo poder econômico que tem que acabar.

Tornozeleira eletrônica
O parecer da relatora, senadora Simonte Tebet (PMDB-MS), é favorável. Agora só falta a Comissão de Constituição e Justiça pautar o projeto de lei 310/2016, de autoria do senador Paulo Bauer (PSDB-SC). Prevê que as despesas com monitoramento eletrônico de condenados seja paga pelos próprios criminosos. Atualmente, no Brasil há cerca de 18 mil pessoas nessa condição, algo que representa um gasto para os cofres públicos de R$ 23 milhões. Se aprovada, a matéria vai para a Câmara dos Deputados.

Além de SP
A São Paulo Fashion Week anunciou ontem que pela primeira vez está organizando uma programação para outros Estados do país. Com o nome de SPFWDay, envolvendo palestras e exposições voltadas para os mercados de moda locais, terá Criciúma, em SC, como uma das primeiras cidades a receber o evento.

Novela
Tem todos os ingredientes para se tornar novela o atraso nas obras do Contorno Viário da Grande Florianópolis pelo fato de a construtora PavSolo, contratada para executar obras em dois trechos que somam 10,5 quilômetros, em Biguaçu e São José, ter suspenso os serviços alegando prejuízo de R$ 19 milhões por “desequilíbrio financeiro” dos contratos. Hum…

Cachaça
Dirigentes da Associação Catarinense de Produtores de Cachaça e Aguardente de Qualidade foram recebidos pelo governador Raimundo Colombo, a quem pediram apoio para projeto de criação de uma lei que reconhece a cachaça catarinense como patrimônio cultural e imaterial do Estado, além de uma lei de incentivo fiscal para o setor, a exemplo do que ocorre em outros Estados.

Judicialização
Em 2016, quase R$ 40 milhões da Secretaria de Estado da Saúde foram retidos para cumprimento de decisões judiciais. Neste ano já estão bloqueados R$ 16 milhões. Por dia dão entrada 60 novas ações judiciais contra a pasta.

Junho calmo
Junho foi o mês que registrou o menor número de homicídios em SC. Foram 62 casos de 1º a 30. No comparativo com maio, que teve 91 assassinatos, a redução foi de 32%. Em 184 dos 295 municípios não houve registro de assassinatos. A taxa de homicídios em SC é de 7,4 para cada grupo de 100 mil habitantes, ainda uma das mais baixas do Brasil.

Devo, não nego
Atormentar a vida de pessoas por causa de dívidas pode se tornar proibido em SC. O assédio por parte de empresas de cobrança é comum, principalmente com vários telefonemas nos horários mais descabidos até para o local de trabalho do consumidor. Mas, se o projeto de autoria do deputado Cesar Valduga (PCdoB) virar lei, as cobranças deverão ser feitas de uma forma que preserve a dignidade da pessoa, sem expô-la a constrangimentos ou ameaças, conforme prescreve o Código de Defesa do Consumidor. Antes de estar pronto para ser votado pelos deputados, o projeto ainda terá que ser analisado por três comissões da Assembleia Legislativa: Constituição e Justiça, Finanças e Tributação e Direitos Humanos.

Relâmpago
O juiz Márcio Umberto Bragaglio, da Vara Criminal da comarca de Joaçaba, prolatou sentença condenatória em ação que envolveu a prática de tráfico de entorpecentes após 18 dias da abertura do processo. Um recorde. No caso, houve prisão em flagrante em 10 de junho deste ano e a sentença foi proferida ao final da audiência de instrução e julgamento, realizada no dia 28 do mesmo mês.

DETALHES
A alta de 10% no preço do gás natural em SC causou verdadeiro estupor na indústria catarinense. Viu-se indignação explícita entre todos os diretores da Fiesc, ontem.

A Assembleia Legislativa aprovou terça-feira mais dois projeto de interesse das mulheres. Um institui a Semana Estadual da Vigília Feminista pelo Fim da Violência contra a Mulher, entre os dias 19 e 25 de novembro. Outro cria a Semana de Incentivo à Participação da Mulher no Processo Eleitoral, a ser realizada anualmente na primeira semana de maio.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio