População de Guabiruba reclama de atrasos na entrega de correspondências

Assunto foi abordado na última sessão da Câmara de Vereadores

População de Guabiruba reclama de atrasos na entrega de correspondências

Assunto foi abordado na última sessão da Câmara de Vereadores

A população de Guabiruba volta a reclamar do serviço de entregas dos Correios. O assunto foi levantado pelos vereadores na sessão da Câmara de Vereadores na terça-feira, 10. Diversos moradores reclamaram que não estão recebendo as correspondências no prazo certo e isto os têm feito, em alguns casos, atrasar pagamento de faturas e boletos.

Leia também: Maioria das vagas de emprego em Brusque tem remuneração de até 1,5 salário mínimo

O problema é registrado principalmente no Centro do município. A auxiliar financeira da Camisaria Milani, Rafaela Milani, afirma que aconteceu, recentemente, de boletos não chegarem até o seu vencimento. A situação se repete e ela já foi à agência dos Correios do município para tentar pegar as cartas.

Como o atraso nas entregas não é novidade, os moradores são costumados a buscar correspondências direto na agência. Contudo, desta vez não foi possível. “Eles disseram que agora as cartas ficam em Brusque”, afirma.

Rafaela diz que, para não atrasar o pagamento, teve de tirar a segunda via de um boleto. Não fosse isso, teria de pagar juros por causa dos atrasos.

Para Haliton Kormann, um dos vereadores que falaram sobre o problema na sessão, o atraso é inadmissível, uma vez que uma nova agência foi construída em Guabiruba há pouco tempo. Ele considera ainda pior o fato de que as cartas ficaram no Centro de Distribuição Domiciliar de Brusque, e não na agência do município, como era antes.

Luciano Schlindwein também comentou o assunto na sessão. Segundo o vereador, há mais registros de problemas no Centro e no bairro Imigrantes. Assim como Kormann, ele recebeu relatos de moradores incomodados com os constantes atrasos nas correspondências.
A intenção da Câmara de Vereadores, agora, é enviar um ofício aos Correios para pedir explicações sobre o tema.

Mudança interna

Em maio, o Município Dia a Dia publicou reportagem tratando de problemas nas entregas. Na época, o sindicato dos carteiros reclamava de excesso de trabalho. Com pouco pessoal, a empresa resolveu implementar no estado um sistema de entregas alternadas (dia sim, dia não), para que os carteiros possam cobrir um espaço maior.

Contraponto

Procurada pela reportagem, a empresa diz que “a entrega em Guabiruba está em dia e sem atrasos. O Centro de Distribuição Domiciliar de Brusque, responsável pela entrega na região, encontra-se com a operação de carga normalizada em relação aos serviços de entrega e coleta de correspondências, encomendas e malotes, além da entrega de telegramas e de objetos registrados”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio