Paróquia Bom Pastor divulga a história de Lutero por meio de revista ilustrada

"Martim Lutero - a reforma em quadrinhos" faz parte de uma séria de ações em comemoração aos 500 anos da Reforma Luterana

Paróquia Bom Pastor divulga a história de Lutero por meio de revista ilustrada

"Martim Lutero - a reforma em quadrinhos" faz parte de uma séria de ações em comemoração aos 500 anos da Reforma Luterana

Em comemoração aos 500 anos da Reforma Luterana, que é celebrada no dia 31 de outubro deste ano, a paróquia Bom Pastor, da Igreja Evangélica de Confissão Luterana de Brusque, está realizando uma ação diferente chamada “Uma história em movimento”.

O objetivo é que por meio da revista “Martim Lutero – a reforma em quadrinhos”, que pode ser facilmente lida em sete minutos, as pessoas possam conhecer um pouco mais da história de Martinho Lutero, líder da Reforma Protestante realizada na Europa no século XVI.

Os 50 exemplares do “gibi” estão sendo distribuídos nos cultos da paróquia e a ideia é que a pessoa receba, leia, assine seu nome em algum local da revista e passe para outra pessoa, que deve realizar o mesmo procedimento. A ação é voltada para toda a população, não apenas para fiéis da Igreja Luterana.

O pastor Edélcio Tetzner explica que o objetivo é permitir que a comunidade conheça a história de Lutero de uma maneira dinâmica, já que a revista traz informações simples. “Estamos propondo olhar para um pouco da história deste líder religioso que trouxe uma contribuição positiva para o Cristianismo. Trazemos apenas um extrato da história, não queremos apontar para Lutero, mas para o que ele descobre, que é o valor da palavra de Deus, da Bíblia”.

O gibi foi produzida pela União Paroquial Luterana de Blumenau e a iniciativa da ação é dos pastores Tetzner e Claudio Siegfried Schefer. Qualquer pessoa que quiser a revista também pode encontrá-la na sede da paróquia Bom Pastor, na avenida Monte Castelo, 25, no Centro. Mais informações no 3351-1968.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio