Posto de saúde da rua Nova Trento está sem médico desde o dia 2

Secretária de Saúde diz que outro profissional começará a atender a partir da próxima segunda-feira

Posto de saúde da rua Nova Trento está sem médico desde o dia 2

Secretária de Saúde diz que outro profissional começará a atender a partir da próxima segunda-feira

Desde o dia 2, última segunda-feira, a população das imediações da rua Nova Trento sofre com falta de médico na Unidade Básica de Saúde que atende a comunidade. Na sexta-feira, 30, o profissional que trabalha no posto de saúde pediu demissão e a unidade ficou sem poder atender às consultas que estavam agendadas. A promessa da Secretaria de Saúde é que um substituto será enviado ao local a partir da próxima segunda-feira, dia 9, e assim, será feito o contato com todos os pacientes para remarcar as consultas perdidas.

Este caso chegou ao jornal Município Dia a Dia por meio de um leitor que reclamou da situação. Ele diz que o profissional que atendia na UBS da rua Nova Trento era “excelente”, e revela indignação pela partida dele. Dentro da unidade, um comunicado informa que há falta de médico e que não há previsão de quando vai haver um.

A secretária de Saúde, Ana Beatriz Baron Ludvig, diz que a prefeitura foi pega de surpresa pela saída do médico. “Ele avisou na sexta que já não vinha mais trabalhar na segunda-feira”, diz. Ela classifica a saída como intempestiva, e justifica a demora em repor o profissional com o quadro curto de profissionais da Saúde que fazem parte da secretaria.

Ana diz que a pasta está tentando realocar um médico, ainda nesta semana, para não deixar a comunidade de mais de 3 mil pessoas que é atendida pela unidade de saúde, mas que esbarra na falta de profissionais. “A dificuldade é por que ele não deu prazo. E se eu tirar um médico de outra unidade eu vou pacientes de outra unidade sem atendimento”, diz a secretária de Saúde.

De acordo com ela, a prefeitura de Brusque convocou mais três profissionais que foram aprovados em processo seletivo. “Um dos outros dois médicos aprovados e chamados pela administração fará um papel que hoje está vago, o médico reserva. Isso significa que ele atenderá nas UBS que por ventura tenham algum problema com médicos” disse a secretária.
Enfermagem

A secretária de Saúde afirma que a UBS da rua Nova Trento continua funcionando com os profissionais de enfermagem atendendo dentro de suas possibilidade. Curativos, por exemplo, podem ser realizados por enfermeiras, entre outros serviços. “A cultura da população é muito da consulta médica, mas há uma gama de atendimentos que a enfermagem pode fazer”, afirma. Além disso, outra opção é ir para o Centro de Serviço em Saúde após as 18h.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio