Prefeito de Colatina visita Brusque: saiba o que ele achou da cidade

Conheça Sérgio Meneguelli, prefeito famoso nas redes sociais

Prefeito de Colatina visita Brusque: saiba o que ele achou da cidade

Conheça Sérgio Meneguelli, prefeito famoso nas redes sociais

O prefeito de Colatina (ES), Sérgio Meneguelli, está em Brusque para realizar uma palestra nesta sexta-feira, 12. Ele é famoso nas redes sociais por colocar a “mão na massa”.

Trajado com sua camiseta “Eu ❤ Colatina”, Meneguelli transmite todo o seu orgulho e admiração pela cidade natal. “Pode existir alguém que gosta muito de Colatina, mas mais do que eu acho que é impossível, porque eu gosto hoje de Colatina menos que amanhã”, diz.

Ele conta que se surpreendeu com Brusque, pois achou que fosse um município pequeno. O prefeito colatinense considerou a cidade bastante limpa e o que mais chamou a sua atenção foi a educação e a hospitalidade das pessoas.”Eu pensei que era menos, mas se tornou muito mais. Foi um tapa de luva”, comenta aos risos.

O político diz que a educação o deixou surpreso porque em Colatina precisou colocar guardas de trânsito em faixas de pedestres onde tem sinaleira, pois os motoristas não respeitam. “Aqui, sem sinal, botei o pé na faixa e o carro parou. Eu vi isso só em Boston”, relata.

“Estou prefeito”
Meneguelli costuma dizer que “está prefeito”, pois é um cargo e daqui um tempo vai sair do posto. “Continuei com meu DNA, não mudei. Continuei sendo Serginho Meneguelli”, enfatiza.

O prefeito conquistou a população colatinense por sua simplicidade. Ele não quis mudar o seu jeito de ser por assumir a administração do município.

Quando ele tinha 13 anos, participou de um comício e disse que um dia também seria prefeito de Colatina. A partir daí, começou a sonhar com isso.

Mas antes mesmo de ser político, já colocava a mão na massa. “Isso eu sempre fiz na minha vida”, afirma.

A primeira iniciativa de Meneguelli foi colocar decoração natalina na cidade. Ele conta que pegou uns panos vermelhos e colocou nas árvores, junto com uma tarja branca, para imitar uma bota. Depois começou a cuidar de canteiros e fazer outras atividades.

Sérgio entrou para a política se candidatando a vereador de Colatina. Antes de ser prefeito, ele foi vereador durante 18 anos, sendo o mais votado da história da cidade, com 3.023 votos.

Quando assumiu a prefeitura em 2017, o município tinha bastantes dívidas e estava sem recursos para melhorar as estruturas. Os canteiros da praça da cidade não tinham plantas e a primeira ação do prefeito foi chamar uns amigos e plantar grama e flores no local.

O ato chamou a atenção da população, que ficou surpresa com a atitude do novo prefeito, já que era acostumada a não ver a autoridade máxima do município na rua.

Sem regalias
O prefeito mora a 1,5 quilômetros da prefeitura e vai todos os dias trabalhar de bicicleta. Colatina tem alguns morros e, por isso, ele utiliza uma bicicleta dobrável. Assim, quando se depara com uma subida muito íngreme, dobra a bike e sobe em um ônibus do transporte público.

A bicicleta funciona como uma bandeira. Se ela estiver parada em frente à prefeitura, significa que o prefeito está lá. Quando a bike não está, quer dizer que Meneguelli está ausente. Também é um “gabinete ambulante”, pois o prefeito utiliza o meio de transporte para ir nos bairros e visitar obras.

Além disso, ele utiliza uniforme para ir trabalhar e se desfez de todos os carros oficiais do gabinete, direcionando-os para outros setores e transferindo os motoristas para outras pastas. Meneguelli também não faz uso das diárias disponibilizadas para as viagens oficiais. “Não gosto de ostentar”, diz.

Mutirões
O prefeito costuma mobilizar a população para aplicar melhorias na cidade de forma voluntária e até ele participa das ações. Para ele, além de ser mais econômico, é uma forma de estar mais próximo das pessoas.

A atitude é bastante elogiada, mas também criticada. Algumas pessoas dizem que o prefeito deveria fazer o trabalho de gestor ao invés de ficar na rua plantando flores, por exemplo.

No entanto, Meneguelli ressalta que sabe das responsabilidades que o cargo exige e que por isso procura fazer estas ações durante o seu tempo livre. “Na folga, cada um tem o direito que fazer o que quer”, afirma.

O prefeito assume que é “pidão” e dessa forma consegue os materiais de forma gratuita. Toda a tinta utilizada no mutirão para a pintura de uma ponte, por exemplo, foi doada por uma empresa. Confira o vídeo da ação.

A forma de administração do prefeito colatinense tem chamado a atenção de todo o Brasil. “Hoje Colatina é conhecida em todo o território nacional. Não é o Serginho Meneguelli, é o prefeito de Colatina”.

Segundo Meneguelli, o dono do hotel onde ele está hospedado em Brusque quer conhecê-lo, pois tem interesse em abrir um estabelecimento em Colatina. Ele comenta que fica muito feliz com isso, pois é reflexo do reconhecimento que a cidade está tendo. “Eles têm noção que Colatina existe”, diz.

A palestra em Brusque

O prefeito de Colatina faz palestras apenas a partir das 18h de sexta-feira, depois que o expediente da prefeitura já encerrou.

A palestra desta sexta-feira, 12, em Brusque é a quinta que ele faz no Brasil. No ano passado, Sérgio Meneguelli fez uma palestra na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

O tema é “Como fazer a diferença e como ser a diferença”. Durante a palestra, Sérgio Meneguelli fala sobre gestão, mas também conta sua história de vida, para que as pessoas também saibam quem é o prefeito de Colatina.

O evento está marcado para as 19h30, no Seminário de Azambuja. A entrada é 1 kg de alimento não perecível e um produto de limpeza.

O cartão de entrada deve ser retirada no Santuário de Azambuja ou com o vereador Cleiton Bittelbrunn (9 9207-7742), pois a palestra é limitada para 300 pessoas. A entrega dos produtos é apenas no evento.