Conteúdo exclusivo para assinantes

Prefeitura de Brusque fará rastreamento eletrônico de veículos da frota municipal

Empresas interessadas podem apresentarpropostas até dia 26; monitoramento deve ser instalado em todos os carros

Prefeitura de Brusque fará rastreamento eletrônico de veículos da frota municipal

Empresas interessadas podem apresentarpropostas até dia 26; monitoramento deve ser instalado em todos os carros

A Prefeitura de Brusque está com edital aberto para contratação de empresa para a prestação de serviços de rastreamento veicular. A apresentação de propostas pode ser realizada até o dia 26 deste mês e, como a licitação é do tipo “menor preço”, a empresa vencedora será a que apresentar a proposta mais acessível.

O secretário de Governo e Gestão Estratégica, William Molina, explica que a necessidade do serviço se dá devido à simplicidade do registro atual. Os registros são feitos manualmente nas saídas e chegadas dos motoristas, “mas nós sabemos que, algumas vezes, isso não condiz com a realidade”, pontua o secretário.

“Com isso, vamos ter condições melhores para analisar questões como as rotas feitas pelos veículos, o tempo de uso. Acontece até de os carros irem para as oficinas e nós nem ficarmos sabendo”, diz.

O monitoramento eletrônico abrangerá todos os veículos da prefeitura, das secretarias, fundações e autarquias. Segundo Molina, “não é um custo, mas um investimento”.

“O que vamos aplicar nessa tecnologia vai trazer benefícios na economicidade do município e também no uso dos veículos, que vamos poder saber onde estão, ter maiores chances de rastreio e um acompanhamento melhor”.

Como consta no edital, entre as responsabilidades da empresa vencedora do pregão está a de executar os serviços em até 15 dias úteis após a assinatura do contrato. Ou seja, em duas semanas após a contratação, todos os veículos da frota municipal deverão estar equipados com os rastreadores. Já o software de monitoramento deverá estar em pleno funcionamento em até cinco dias após a instalação dos acessórios nos carros.

O monitoramento dos veículos será feito por meio de comunicação via GSM/GPRS, e abrangerá rastreamento pela internet, identificação dos condutores, implantação de sistema de localização e acompanhamento e posicionamento através de GPS em tempo real.

O equipamento, de acordo com o edital, deverá ser oferecido pela empresa em regime de comodato. Esse tipo de empréstimo contempla objetos que não podem ser substituídos por outro de mesma espécie ou qualidade. Nesse caso, após o prazo que for estabelecido, os acessórios instalados na frota serão entregues à empresa.

O edital está disponível no link.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio