Prefeitura de Guabiruba inicia melhoria da acessibilidade nas unidades de saúde

Unidade do Lageado Baixo é a primeira a receber reformas no município

Prefeitura de Guabiruba inicia melhoria da acessibilidade nas unidades de saúde

Unidade do Lageado Baixo é a primeira a receber reformas no município

A Prefeitura de Guabiruba está perto de concluir a execução de obras de acessibilidade na unidade básica de saúde do bairro Lageado Baixo. O objetivo é tornar o espaço mais adequado a deficientes e pessoas com mobilidade reduzida.

O trabalho está sendo executado em parceria pelas secretarias de Saúde e Planejamento Urbano e Infraestrutura.

As reformas vêm em cumprimento a uma decisão judicial após ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC), o qual cobrou da prefeitura melhoria na acessibilidade.

Conforme a prefeitura, o objetivo, a médio e longo prazo, é tornar todos os espaços públicos municipais mais acessíveis.

Conforme a arquiteta e urbanista da Secretaria de Planejamento Urbano e Infraestrutura de Guabiruba, Débora Carolina Silveira Battaglini Barroero, o município executa as alterações de acordo com a NBR 9050, norma brasileira que trata sobre a acessibilidade de edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos.

“Internamente foram colocados pisos podotáteis para que o deficiente visual consiga andar naquele espaço de forma independente, placas de sinalização em braile para indicar os acessos e a adequação de todos os sanitários com recolocação de barras de apoio e lavatórios suspensos”, relata Débora.

As obras iniciaram em 2017 internamente e com a pavimentação da rua Dalila Zabel, via que dá acesso à UBS do Lageado Baixo. As demais unidades a receberem as melhorias serão definidas conforme repasse de recursos do Programa de Melhoria do Acesso e da Qualidade (PMAQ).

A estimativa da Secretaria de Saúde de Guabiruba é que existam cerca de cem usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) com deficiência física.

Conforme a secretária, Patricia Heiderscheidt, as obras são importantes, pois cumprem com a obrigação do estado de garantir a acessibilidade e facilitar o atendimento a todos.

“O desafio é gerenciar os recursos e por isso essas obras estão sendo feitas de forma gradativa, conforme os recursos disponíveis para os investimentos”, afirma.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio