Prefeitura entra com pedido de manutenção do prédio da Previdência Social

Com a mudança da Policlínica para a Praça da Cidadania, parte do prédio da Previdência Social deve ficar vazio, mas a administração municipal pretende continuar usando a estrutura do governo federal

Prefeitura entra com pedido de manutenção do prédio da Previdência Social

Com a mudança da Policlínica para a Praça da Cidadania, parte do prédio da Previdência Social deve ficar vazio, mas a administração municipal pretende continuar usando a estrutura do governo federal

Mesmo com a mudança da Policlínica para o Centro de Serviços em Saúde, na Praça da Cidadania, a prefeitura de Brusque pretende continuar usando a estrutura do prédio, onde funcionava o Centro Médico em conjunto com a Previdência Social e a Receita Federal.

O prédio é de propriedade do governo federal e com a saída da Policlínica, boa parte de sua estrutura ficará vazia. De acordo com o secretário de Orçamento e Gestão, Gustavo Halfpap, o prédio está localizado em uma região estratégica da cidade e, por isso, há o interesse da administração em continuar utilizando. “Espaços públicos em Brusque são raros e caros, por isso a prefeitura pretende manter usando o prédio”, diz.

No mês passado, a prefeitura enviou uma correspondência para o Ministério da Previdência Social, proprietário do local, manifestando o desejo de continuar utilizando a estrutura. “Enviamos a correspondência, mas talvez só isso não seja necessário para formalizarmos essa questão, há trâmites burocráticos. Protocolamos nossa intenção, agora é aguardar os próximos passos”, explica.
Espaço

Halfpap destaca que o interesse do município não é comprar o prédio, mas permanecer usando a estrutura por um longo período. “Pedimos a cessão do espaço demonstrando vontade de permanecer no local por um prazo longo para que possamos investir na estrutura, fazer reformas e melhorar o local”.

O secretário ressalta que mesmo com o interesse da prefeitura, a administração ainda não sabe quais serviços podem funcionar no local. “Agora com a inauguração da Praça da Cidadania muitos serviços foram deslocados para lá. Com o tempo, pode ser que surja a necessidade de instalar outros serviços próximos à praça, e o local é adequado. Mas só saberemos com o passar do tempo. Todo espaço é bem-vindo”, finaliza.


Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio