Prefeitura terá que refazer projeto de prolongamento da Beira Rio

Bosio e Prudêncio se reuniram na tarde desta quarta-feira, 8, com o presidente do Badesc para discutir a vinda de recursos para a obra

Prefeitura terá que refazer projeto de prolongamento da Beira Rio

Bosio e Prudêncio se reuniram na tarde desta quarta-feira, 8, com o presidente do Badesc para discutir a vinda de recursos para a obra

O secretário de Desenvolvimento Regional de Brusque, Jones Bosio, e o prefeito interino do município, Roberto Prudêncio Neto, estiveram em reunião na tarde de ontem, em Florianópolis, com o presidente da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc), Wellington Bielecki, para pleitear um novo financiamento para a continuação das obras de prolongamento da avenida Bepe Roza, a Beira Rio.

De acordo com Bosio, a reunião pode ser considerada positiva, no entanto, a prefeitura terá de apresentar um novo projeto para conseguir os recursos, já que o projeto encaminhado pela equipe do ex-prefeito Paulo Eccel apresentou problemas e não cumpriu com os prazos estipulados pelo órgão anteriormente.

“O ex-prefeito perdeu o prazo para enviar a documentação necessária e buscar o recurso para a obra. Perdemos o prazo e o Badesc mudou de nomenclatura, agora vai ser Badesc II, que é um outro programa de investimento, e por isso, o prefeito e a sua equipe técnica terão que ajustar alguns pontos que os técnicos pediram para reformular e apresentar o projeto de novo para que a gente consiga o recurso”, explica.

Segundo o secretário, o projeto deve ser refeito e encaminhado ao Badesc o mais rápido possível para que se tenha a liberação do recurso. “Vimos em que pé estava esta situação, mas a resposta do Badesc, inclusive já enviada à Câmara de Vereadores foi de que o ex-prefeito perdeu o prazo para ter a liberação”.

Bosio afirma que o projeto será refeito em cima dos R$ 6 milhões solicitados pela gestão Eccel. “Amanhã (hoje) o prefeito já vai reunir a equipe técnica dele, os engenheiros, para tentar aprovar isso o mais rápido possível, buscar os recursos e poder investir na nossa cidade, já que é uma obra fundamental para Brusque”.
A obra

A prefeitura deu continuidade ao prolongamento da Beira Rio com recursos próprios. A administração de Paulo Eccel diz ter prolongado, desde 2012, 1,7 km nas duas extremidades da via.
De acordo com o prefeito interino, o prolongamento da Beira Rio é prioridade. Na semana passada, uma equipe de topografia, uma escavadeira hidráulica, cinco caminhões e um trator de esteira foram enviados ao bairro para dar continuidade aos trabalhos nas proximidades da Unifebe.

Por enquanto, a obra se concentra na abertura de valas para o escoamento da água depositada no local, remoção do solo mole e a implantação de tubulação. Posteriormente, será executado o reforço do sub leito, com a colocação de pedras para liberação da pavimentação.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio