Primeira etapa do Campeonato Estadual de Duathlon tem número recorde de inscrições

Quinta prova de duatlo em Brusque foi realizada em parceria pela Fetrisc e Atribrusque

Primeira etapa do Campeonato Estadual de Duathlon tem número recorde de inscrições

Quinta prova de duatlo em Brusque foi realizada em parceria pela Fetrisc e Atribrusque

Não foi apenas a disputa pelo pódio que estava quente. Na tarde de sábado, 13 de julho, os atletas se submeteram ao sol forte e ao calor de 25 ºC para a primeira etapa do Campeonato Catarinense de Duathlon, que superou as expectativas e bateu recorde de inscrições. A competição teve largada em frente ao Pavilhão de Eventos Maria Celina Vidotto Imohf, às 14h, em Brusque.

Foi a quinta prova de duatlo realizada na cidade. Válida pelo estadual da modalidade, a prova atraiu 181 inscritos, entre as categorias infantil, adulto, nos naipes masculino e feminino e revezamento. A competição foi uma parceria entre a Fundação de Triathlon de Santa Catarina (Fetrisc) com a Atribrusque. Quem também apoiou o evento foi a Fundação Municipal de Esportes.

Um dos membros da diretoria da Atribrusque, Charles Albani Dadam, comentou sobre o recorde no número de participantes. “Tínhamos um número aproximado de 80 participantes nas etapas anteriores. É uma surpresa. Com o número maior de inscritos, a responsabilidade aumenta. Mas, isso é o resultado do que a gente tem feito nesses anos de organização de competições”, comemora Dadam.

Ao final da prova, a organização do evento trouxe uma novidade para a etapa. Foi ofertado aos atletas um pouco da culinária local para que se sentissem em casa. Além de água, refrigerantes e café, um banquete de cucas estava à disposição para a degustação. “É uma maneira de compensá-los por todo o esforço feito na prova”, acrescenta Dadam.

A próxima etapa do estadual de duatlo será em Pedra Branca, Palhoça, na Grande Florianópolis, em 10 de agosto.

Largada
A categoria Infantil, de 10 a 13 anos, foi a primeira a dar a largada, às 14 horas. O número de inscritos foi de 13 atletas. Quem alcançou o lugar mais alto do pódio, foi Nathan Andrade Wanroski, de Itajaí. O atleta da categoria 12 – 13 anos compete há um ano e falou sobre sua tática. “Na primeira corrida eu fui e voltei forte. Na bike, tentei manter o mesmo ritmo e, na última corrida, fiz o que pude. Tirei distância e não deixei ninguém se aproximar”. Na mesma faixa de idade, Vitória de Camargo Martins e Sofia Kotelak Nascimento fizeram dobradinha para Itajaí, chegando em primeiro e segundo lugares, respectivamente.
Adulto
A prova adulta iniciou logo após o encerramento da infantil, às 14h53. Os homens largaram na frente. O feminino e revezamento, dois minutos depois. O percurso para a categoria adulta foi de 27,5 quilômetros, sendo 7,5 de corrida e 20 de ciclismo.

A disputa da categoria Elite masculina foi acirrada. Cleverson Luis Del Secchi, atleta de São José dos Pinhas, Paraná, liderou a primeira etapa de corrida e foi o primeiro a entrar na área de transição, trocando os tênis de corrida pela sapatilha da bike. Na sequência, chegaram Matheus Ghiggi dos Santos, de Balneário Camboriú, e Chico Ferreira, de Minas Gerais, mas que compete por Balneário Camboriú.

Del Secchi não conseguiu manter o ritmo no ciclismo e foi ultrapassado por Santos e Ferreiro, virando para a última parte da corrida em terceiro lugar. Ao fim da prova, com o tempo de 56min5s, Ferreira ficou com a primeira colocação. Em segundo lugar, com 56min14s, Santos e Del Secchi na terceira posição com 58min3s.

O atleta paranaense, que competiu pela primeira vez em Brusque, explicou o motivo de perder a liderança da prova. “Na transição da bike, não consegui me acertar na saída. Perdi a primeira posição, mas estou contente com o resultado”.

O vencedor do percurso diz que essa foi uma prova de curta quilometragem, pois é acostumado competir em Ironman (prova extensa de triatlo). A respeito da prova, avaliou sua participação. “Procurei administrar um pouco a primeira corrida, me mantendo entre os três primeiros. Não queria chegar muito cansado para o ciclismo.

Na bike, fiz muita força e conseguimos abrir uma boa distância do grupo que vinha atrás, para ter uma margem para a corrida final, que é a mais difícil”, diz. “Eu fiquei bem satisfeito com o meu resultado, não esperava fazer o ciclismo que eu fiz. Acho que o dia foi bom para mim e tudo deu certo”, acrescenta o atleta.  
No feminino, as atletas da Elite também fizeram uma boa prova. Quem levou a melhor foi Priscila da Silva Rocha, competidora de Balneário Camboriú. “Foi uma prova, minha equipe me ajudou bastante. Eu sabia que podia ganhar na corrida, saí para correr bem e consegui ganhar”, avalia a atleta. Atrás dela, Mariana Borges de Andrade e Gisele Bertucci completaram o pódio.

Os atletas de Brusque que se destacaram na competição foram as duplas no revezamento. Tiago Demate e Maicon Willwock alcançaram o primeiro lugar. Os irmãos Joelson e Jairo Cordeiro chegaram na segunda colocação. A dupla de Itajaí, Renan Prado e Jorge Nicolau Meira Filho ficou em terceiro lugar. No masculino, categoria de 40 a 44 anos, José Ribamar Arruda de Almeida e Felipe Eilert dos Santos fizeram dobradinha brusquense no pódio, em primeiro e segundo lugares, respectivamente. Na faixa de 45 a 49 anos, Marcos Alexandre da Silveira, também de Brusque, levou o primeiro lugar.
Classificação Elite Feminino

Priscila da Silva Rocha 1h6min6
Mariana Borges de Andrade 1h6min13
Gisele Bertucci 1h06min39
Estéfanie de Almeida Bender 1h8min51
Alessandra Rocio de Carvalho 1h9min04

Classificação Elite Masculino
Chicão Ferreira 56min05
Matheus Ghiggi dos Santos 56min14
Cleverson Luis Del Secchu 58min3
Felipe de Oliveira Manente 58min36
Francisco Luiz Vianna Neto 58min46

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio