Problema com ar-condicionado prejudica atendimento na Vigilância em Saúde de Brusque

Farmácias e outros estabelecimentos não conseguem renovar alvarás sanitários

Problema com ar-condicionado prejudica atendimento na Vigilância em Saúde de Brusque

Farmácias e outros estabelecimentos não conseguem renovar alvarás sanitários

Diversos estabelecimentos de Brusque estão com problemas para renovar seus alvarás sanitários neste início de ano. O problema é que até esta terça-feira, 22, a Vigilância em Saúde não estava atendendo o público porque não tinha ar-condicionado suficiente para as salas.

Segundo o secretário de Saúde, Humberto Fornari, o problema é que alguns ares-condicionados estragaram. Os aparelhos foram transportados, ano passado, do antigo casarão para o endereço atual, na rua do Centenário, Centro.

Sem atendimentos, as farmácias não conseguiram renovar seus alvarás, que venceram no último dia 31 de dezembro. Pessoas ouvidas pela reportagem nesta quarta pela manhã confirmaram essa informação.

O problema é mais grave para as farmácias porque elas não conseguem comprar medicamentos controlados sem o alvará sanitário. A legislação federal exige esse documento esteja em dia para a compra de insumos.

Novo horário
Fornari se reuniu com os servidores nesta terça-feira e definiu a alteração no horário de atendimento ao público para das 7h30 às 13h30.

Além disso, um servidor da Saúde passará a trabalhar na Sala do Empreendedor, dentro da prefeitura. No local, o empreendedor poderá já solicitar o seu alvará sanitário, sem mais precisar se deslocar.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio