Problemas estruturais são registrados na escola Santa Terezinha

Agência de Desenvolvimento Regional trocará pisos e corrigirá rachadura em uma coluna

Problemas estruturais são registrados na escola Santa Terezinha

Agência de Desenvolvimento Regional trocará pisos e corrigirá rachadura em uma coluna

Os pisos de cerca de cinco salas de aulas e uma junta de dilatação de uma coluna da Escola de Educação Básica Santa Terezinha apresentaram problemas recentemente e deverão receber reparos da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Brusque nos próximos dias.

Segundo o secretário Executivo da ADR, Ewaldo Ristow Filho, o órgão ficou a par da situação dos pisos há cerca de 15 dias. Ele explica que o material se descolou do rejunte devido à inconstância da temperatura.

Por outro lado, a junta de dilatação – espécie de régua criada para absorver a variação volumétrica dos materiais e que também é conhecida como junta de movimento – de uma das colunas apresentou uma rachadura.

“A escola foi atingida pela enchente em 2011 e o terreno em que ela está é um aterro, então é mais propício para isso. Também tem a questão da mudança de clima. Mas essa rachadura não oferece riscos para os alunos e professores”, assegura.

Embora garanta que o dano não é grave, Ristow Filho diz que a rachadura será consertada juntamente com a troca dos pisos. As obras devem iniciar, afirma o secretário, a partir de quarta-feira, 25.

“Estivemos sexta-feira de manhã na escola com dois engenheiros. A empresa que fez a obra de reforma já vai começar os trabalhos. Eles vão trabalhar no feriado, na sexta-feira e também no fim de semana”, diz.

A projeção de Ristow Filho é de que a troca de pisos seja concluída até a próxima segunda-feira, 30. A correção da junta de dilatação, por sua vez, deve ser corrigida no máximo até a próxima semana.

Atualmente, de acordo com o secretário, os estudantes estão utilizando as salas de aula normalmente. Porém, o chão está sem boa parte das lajotas.

A reportagem entrou em contato com a diretoria da escola Santa Terezinha para relatar os detalhes do problema, no entanto, o diretor Marcio José dos Santos preferiu não se manifestar.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio