Programa de Combate a Endemias realizará mutirão de limpeza em Brusque

Atiradores do Tiro de Guerra foram capacitados nesta quarta-feira

Programa de Combate a Endemias realizará mutirão de limpeza em Brusque

Atiradores do Tiro de Guerra foram capacitados nesta quarta-feira

Como parte do trabalho de combate à dengue, o programa de Combate a Endemias realizará no mês de setembro um mutirão de limpeza nos bairros Santa Terezinha e Nova Brasília, considerados infestados pelo mosquito Aedes aegypti. Por isso, a equipe esteve nesta quarta-feira, 25, no Tiro de Guerra 05-005, para realizar uma capacitação com os mais de 60 atiradores que vão ajudar na limpeza da região. Foram abordadas as doenças transmitidas pelo mosquito, as atividades desenvolvidas pela equipe e como realizar a limpeza no dia do mutirão.

Além disso, o veterinário Tiago Roza falou sobre as zoonoses mais comuns em Brusque, como febre maculosa, leptospirose, hantavirose e raiva (atendimento antirrábica). Este ano foram encontrados 140 focos do mosquito Aedes Aegypti na cidade, duas vezes mais que durante todo o ano passado. Ao todo foram 19 casos suspeitos de dengue e nenhum confirmado.

A coordenadora do programa de Combate a Endemias, Letícia Figueredo, ressalta que o cuidado com o mosquito deve ser contínuo, até mesmo no inverno. “Cada pessoa precisa fazer sua parte, como limpar seu terreno, evitar água parada, lavar potes de comida e água dos animais, evitar acúmulo de entulho”.

Confira as orientações para evitar a proliferação do Aedes aegypti:

– Evite usar pratos nos vasos de plantas, se usar, coloque areia até a borda;
– Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
– Mantenha lixeiras tampadas;
– Deixe os depósitos para guardar água sempre vedados, sem nenhuma abertura, principalmente as caixas d’água;
– Plantas como bromélias devem ser evitadas, pois acumulam água;
– Trate a água da piscina com cloro e limpe uma vez por semana;
– Mantenha ralos fechados e desentupidos;
– Lave com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
– Retire a água acumulada em lajes;
– Dê descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;
– Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;
– Evite acumular entulho, pois podem se tornar locais de foco do mosquito da dengue.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio