Projeto Rio Vivo de Portas Abertas abordará novas temáticas sobre a água em Brusque

O tema é debatido na disciplina de Ciências ao longo do ano e permite, além disso, abordar questões de responsabilidade social e de sustentabilidade

  • Por Redação
  • 17:11
  • Atualizado às 17:58

Projeto Rio Vivo de Portas Abertas abordará novas temáticas sobre a água em Brusque

O tema é debatido na disciplina de Ciências ao longo do ano e permite, além disso, abordar questões de responsabilidade social e de sustentabilidade

  • Por Redação
  • 17:11
  • Atualizado às 17:58
  • +A-A

Mais de 600 estudantes das turmas de 8º e 9º ano da Rede Municipal de Ensino concluíram na semana passada as atividades desenvolvidas por meio do projeto Rio Vivo de Portas Abertas.

O encerramento oficial da iniciativa ocorreu na sede da empresa Rio Vivo e contou com a presença de alunos e representantes da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Fundema, Secretaria de Educação e Unifebe.

De acordo com o coordenador da Educação Ambiental do município, Cláudio Santanna, essa é a terceira edição da atividade, que aplica diversos temas ambientais na prática escolar. O tema é debatido na disciplina de Ciências ao longo do ano e permite, além disso, abordar questões de responsabilidade social e de sustentabilidade.

A iniciativa promovida entre a Secretaria de Educação e a empresa Rio Vivo visou oportunizar aos alunos conhecer as fases do tratamento de efluentes, desde a entrada na estação até a devolução do material para o rio. As visitas ocorriam às sextas-feiras nos períodos matutino e vespertino.

Caixa de Água
A parceria para o próximo ano promete trazer novas formas de aprendizagem. Por meio do projeto Caixa de Água, os estudantes terão um contato pedagógico com os conteúdos relacionados a água.

A ideia desenvolvida previamente pela Furb, tem como conceito principal construir uma caixa de areia interativa de modo a simular uma parcela do relevo de uma cidade, na qual se destacam diferentes características naturais e sociais que compõe a paisagem, com destaque para os recursos hídricos.

O material educacional é composto por um software de realidade virtual e aumentada com características de um game, no qual é possível a realização da elaboração de atividades.

De acordo com a empresa Rio Vivo, o principal propósito é compreender os impactos das decisões tomadas pelos estudantes e interligar a gestão da água com a gestão da terra em diferentes setores. Serão utilizados como referência os conteúdos elencados nos Parâmetros Curriculares Nacionais do Meio Ambiente que buscam trabalhar com os alunos procedimentos, atitudes e formação de valores a partir de interações interdisciplinares com temas transversais, neste caso a água.

Para Santanna, esse novo projeto será de suma importância para Brusque e região. “Essa iniciativa agregará as outras propostas já desenvolvidas com os estudantes. No caso do projeto Caixa de Água as medidas permitem conscientizar as crianças sobre como reduzir o risco de cheias e prevenção dos seus efeitos”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio