Próximo de estreia no Campeonato Catarinense, Bruscão afunila treinamentos

Equipe fará ainda um jogo-treino na próxima quarta-feira, 10, antes do estadual

Próximo de estreia no Campeonato Catarinense, Bruscão afunila treinamentos

Equipe fará ainda um jogo-treino na próxima quarta-feira, 10, antes do estadual

O Brusque finalizou mais uma semana de trabalho na manhã deste sábado, 6. Mesmo no calor intenso, o grupo treinou intensamente jogadas ensaiadas, de contra-ataque e bola parada. Faltando pouco mais de uma semana para a estreia do Campeonato Catarinense, o elenco de Picoli vai ganhando forma e já é possível esboçar um conjunto de titulares.

Deste conjunto, pelo menos quatro atletas estão entre os reforços da temporada, casos do goleiro André Luis, da dupla de zaga Antônio Carlos e Douglas Silva e do volante Bidía. Ainda nesta segunda-feira, 8, um novo volante deve ser anunciado pelo clube, encerrando o ciclo de contratações, de acordo com a diretoria.

A estreia do Bruscão no estadual será no dia 17 de janeiro, uma quarta-feira, contra o Joinville na Arena Joinville. O horário estabelecido pela Federação Catarinense de Futebol (FCF) é 20h30, mas pode haver alteração. Ainda nesta semana, quarta-feira, o time disputa mais um jogo-treino. Será contra o Rio Branco, de Paranaguá (PR), em Curitiba, a partir das 16h.

Preparo físico
Contratado para a temporada, o preparador físico Fábio Maraston tem trabalho com o time que precisar passar de heterogêneo – com diversas situações diferentes de condição, desde atletas que encerraram o ano atuando até jogadores que ficaram parados por meses – para homogêneo.

Ele afirmou, por causa disso, que foi fundamental a apresentação já no fim de 2017.

“Foi excelente. Nós tínhamos um grupo muito diferente, mas procuramos adequar tudo junto com o Picoli para que conseguíssemos recuperar tudo, principalmente os atletas mais atrasados na condição física”. No próximo ciclo de treinamentos, que inicia segunda-feira, o elenco passa a intensificar trabalhos de força velocidade e potência.

Quem também aprovou a apresentação do grupo ainda em dezembro foi Picoli. “Fizemos isso porque houve uma consciência geral de que estaríamos trazendo atletas com renome, mas que estavam muito tempo afastado do mercado de trabalho ou requerendo cuidados maiores nas questões física e psicológica”.

Para o comandante, que chegou no Brusque durante a Copa Santa Catarina, foi importante que, nesta oportunidade, tenha ajudado na busca de atletas.

“Meu perfil de trabalho não é limitado a ter ou não condição de montar o elenco, mas é fato que encontrei sintonia muito grande aqui no Brusque porque, junto com a diretoria, conseguimos chegar aos nomes que agradassem a todos. Isso facilita muito o trabalho”.

Ele explica ainda que neste sábado foi encerrado um ciclo de preparação. “Tivemos nessa semana a maior evolução até aqui. A partir de segunda-feira, a programação será toda voltada para as situações de jogo, já visando a estreia do campeonato”.

Durante o trabalho de sábado, o time que jogou com aspecto titular foi: André Luis; Carlos Alberto, Antônio Carlos, Douglas Silva e Ronaell; Ruan, Bidía e Jean Dias; Jefferson Renan, Wilson Junior e Edu.

Debutando no Catarinense
Wilson Junior foi um nome importante no ataque do Brusque para o Brasileirão Série D, além de ter jogado – antes de se lesionar – nas primeiras partidas da Copa Santa Catarina. Porém, será a primeira vez que acompanhará o grupo na principal competição do calendário quadricolor, além de estrear no Catarinense.

Pelo que ouviu dos companheiros, a competição será bastante prestigiada. “Todos comentam que é um campeonato muito bom e fico com grande expectativa. É uma equipe que está se consolidando forte dentro do estado e buscando o espaço nacionalmente, espero fazer minha parte para ajudar o time a fazer um grande campeonato”.

Completamente recuperado da lesão de 2017, ele já desponta como favorito à titularidade.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio