PT de Brusque celebra aniversário de olho na disputa eleitoral

Militantes da cidade realizaram encontro nesta segunda-feira, 10 de fevereiro, na Câmara Municipal

PT de Brusque celebra aniversário de olho na disputa eleitoral

Militantes da cidade realizaram encontro nesta segunda-feira, 10 de fevereiro, na Câmara Municipal

O Partido dos Trabalhadores (PT) de Brusque realizou nesta segunda-feira, 10 de fevereiro, um ato em comemoração ao 34º aniversário da sigla. O partido foi fundando em 10 de fevereiro de 1980. Mesmo com a criação, o Tribunal Superior de Justiça Eleitoral só reconheceu a legitimidade do PT em 1982.

Os atos comemorativos foram realizados ontem em todo o país. Criado por militantes e intelectuais de esquerda, o partido começou com o apoio de trabalhadores e sindicalistas e disputou a primeira eleição em 1982. Atualmente, com mais de 1,7 milhão de filiados, é o segundo maior do País, ficando atrás apenas do PMDB.

Em 2014, o PT comemora 11 anos no poder. Em Brusque, atualmente, o partido conta com cerca de 500 filiados. O atual presidente da sigla no município e líder da bancada na Câmara de Vereadores, Felipe Belotto, afirma que o objetivo principal é reeleger a presidenta Dilma Rousseff.
Eleições 2014

Em entrevista ao jornal Município Dia a Dia, Belotto falou das possibilidades de candidatura do PT na disputa eleitoral deste ano. Para ele, os nomes para a eleição devem ser definidos em conjunto com os outros partidos que compõem o governo Paulo Eccel. 

A avaliação no entanto, é de que os nomes de Valmir Ludvig e Marli Leandro devem se sobressair, com destaque para a vereadora e líder do governo na Câmara, que teria boa aceitação em uma das principais correntes do partido no estado.

Jornal Município Dia a Dia: Como estão as articulações para lançamento de candidaturas do PT neste ano?
Felipe Belotto: Nós tivemos, no ano passado, um processo que priorizou as eleições internas. Dentro do grupo de dez partidos que governa a cidade, se busca um projeto de união entre eles para que a gente volte a ter deputado. O PT tem pré-nomes, que são a Marli Leandro e o Valmir Ludvig [ambos vereadores].
MDD: Existe data marcada pra sair esta definição?
Belotto: Não tem um deadline. No final de semana que passou, o PT teve um encontro estadual em que foi lançado um manifesto em favor da candidatura própria. O presidente nacional do PT, Rui Falcão, participou por videoconferência, e deixou claro que a direção nacional não se opõe, de forma alguma, a uma candidatura própria.
MDD: Já houve alguma conversa com o presidente do PT estadual, Cláudio Vignatti?
Belotto: Logo na segunda semana após ele tomar posse, ele esteve em Brusque conversando com o prefeito Paulo Eccel. Temos membros do PT de Brusque que são membros do diretório estadual. O grupo do PT em Brusque articula junto com uma força interna do partido no estado, que é a EPS [Esquerda Popular Socialista]. Dentro desse grupo as conversas estão avançadas, e uma candidatura da Marli [Leandro] tem tido boa aceitação. Para candidatura de mulheres, especificamente, eles estão dando uma força muito grande. 
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio