Membros de quadrilha são condenados a 8 anos de prisão por tráfico de drogas

Criminosos atuavam com disk-droga em Brusque e foram presos em julho

Membros de quadrilha são condenados a 8 anos de prisão por tráfico de drogas

Criminosos atuavam com disk-droga em Brusque e foram presos em julho

Uma quadrilha de Brusque conhecida por oferecer o serviço de disk-droga foi condenada na sexta-feira, 2, a 32 anos de prisão – na soma das penas – em regime fechado pelo crime de tráfico de drogas.

Jeferson dos Anjos Silva, 19 anos, Édipo Xudre, 28, Dayane de Oliveira Corrêa, 24, e Robson Silva Sousa, 31, foram julgados e cada um foi condenado a 8 anos de prisão, além de multas. Não foi concedido a eles o direito de recorrer em liberdade.

Silva, Xudre e Dayane foram presos no bairro Nova Brasília, no dia 28 de julho, após cerca de 30 dias de investigações da Polícia Civil, por meio da Divisão de Investigações Criminais (DIC) e do Serviço Reservado da Polícia Militar. Eles traficavam drogas com um sistema de “disk drogas”, ou seja, entrega de drogas sob demanda.

O caso chamou a atenção pelo fato de trabalharem com porções maiores de cocaína, de R$ 50 no mínimo, em pinos e de maior pureza. O público alvo era formado por pessoas de maior poder aquisitivo na cidade.

O esquema da quadrilha funcionava da seguinte maneira: Xudre era o organizador, comandava, comprava, distribuía drogas e aliciava pessoas. A esposa dele, Dayane, trabalhava junto na venda e distribuição e Jeferson era o “funcionário” do casal e responsável pela distribuição na cidade.

Robson é irmão de Dayane e também atuou como funcionário do casal, porém depois de um tempo, ele deixou as atividades criminosas e retornou para São Paulo.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio