Reajuste da Celesc para a energia elétrica passa a vigorar a partir de 7 de agosto

Consumidor residencial de baixa tensão pagará 12,9% a mais na conta da Celesc

Reajuste da Celesc para a energia elétrica passa a vigorar a partir de 7 de agosto

Consumidor residencial de baixa tensão pagará 12,9% a mais na conta da Celesc

A energia elétrica ficará mais cara em Brusque a partir de agosto. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou na terça-feira, 30 de julho, o índice de reajuste anual para as contas de luz da Central Elétrica de Santa Catarina (Celesc). O consumidor residencial de baixa tensão pagará 12,9% a mais.

O reajuste entra em vigor no dia 7 de agosto. De acordo com a Celesc em Brusque, as contas de agosto ainda apresentarão os valores antigos. O reajuste é válido apenas para as contas que serão pagas em setembro.

Já para os consumidores industriais, o reajuste será maior. Usuários de baixa tensão terão alta de 13,47%. As empresas que utilizam alta tensão pagarão 14,07% a mais. Em nota, a Aneel explica que o cálculo dos índices de reajuste são realizados considerando a variação de custos que a empresa teve no decorrer do período de referência – últimos 12 meses.

A fórmula de cálculo inclui custos da atividade de distribuição, além dos valores do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). A Aneel informou ainda que os outros custos, como energia comprada de geradoras e encargos de transmissão não acompanham necessariamente o índice de inflação, que, segundo o IBGE, ficou em 6,7% nos últimos 12 meses. 
Revisão 

O reajuste que passa a vigorar a partir da próxima semana é o tarifário anual, e acontece sempre  em agosto. A Aneel também aplica outro tipo de reajuste, conhecido como revisão tarifária periódica. Essa revisão ocorre a cada quatro anos, em média. 

Tabela de valores
Tipo de consumo           Reajuste
Residencial baixa tensão  12,9%
Industrial baixa tensão      13,47% 
Industrial alta tensão        14,07%

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio