Hoje a gente deixa a nostalgia de lado. Quer dizer, mais ou menos: afinal, não tem nada mais ligado à nostalgia do que a mania da indústria cinematográfica de reciclar filmes (e séries). Especialmente aqueles muito amados, que as pessoas sentem prazer em rever e em apresentar para as novas gerações. Já falamos sobre isso aqui? Sim, várias vezes. E, pelo jeito, vamos continuar falando…

A gente começa a “sessão reciclagem” com um baita clássico norte-americano, Little Women, traduzido no Brasil como Mulherzinhas, é aquele livro lançado há 150 anos por Louisa May Alcott. Já ganhou várias versões para telas grandes e pequenas. Agora, vai ter mais duas: esta do cartaz aí abaixo, comemorativa, vai ser lançada em setembro deste ano. Como ponto alto do elenco, um nome, lá vamos nós, nostálgico: Lea Thompson, estrela das sessões da tarde dos anos 80, vive aqui o papel da mãe das “mulherzinhas” – papel que já foi vivido, no filme lançado em 1994, por Susan Sarandon.

Mas o Little Women que todo mundo quer ver ainda vai demorar um pouco: será a versão dirigida por Greta Gerwig, a autora e diretora de Lady Bird, um dos filmes que chamou atenção no último Oscar. Do seu sucesso anterior, a diretora trará para o novo filme a protagonista Saoirse Ronan e o “bola da vez” Timothée Chalamet.

Nomes modinha à parte, a gente pode apostar desde já que o melhor papel dessas “mulherzinhas” será o da rabugenta Tia March. Ou você imagina que Meryl Streep não vai fazer sombra para todo o resto do elenco?

O filme ainda não tem cartaz, imagens ou data de lançamento divulgados. Fiquemos de olho!

Continuando na mesma linha, temos a refilmagem de um favorito de todos os tempos das sessões da tarde: Convenção das Bruxas, aquela delícia lançada em 1990 e estrelada por uma poderosíssima Anjelica Huston (que completou ontem 67 anos de vida, parabéns para ela!). A produção deve contar com Guillermo del Toro e a direção, ainda não confirmada, pode ser assinada por Robert Zemeckis.

Enquanto não chegam mais informações, a gente fica aqui pensando: o que chegará primeiro, a nova Convenção das Bruxas (The Witches) ou o remake de Abracadabra (Hocus Pocus), que já foi bastante criticado, ano passado, pela protagonista da primeira versão, Bete Midler? Ela, pelo jeito, não perdoa a decisão de refazer o filme com novo elenco, em invés de fazer uma continuação com o elenco original. O que seria muito curioso, já que a mais nova do trio de bruxas do original foi interpretada por Sarah Jessica Parker. Teríamos uma Carrie Bradshaw versão feiticeira?

Em todo caso, a Disney não parece estar com pressa em deslanchar esse projeto, entre tantos remakes e transposições para live action de animações clássicas.

Um dos próximos (bom, considerando que março de 2019 já é uma data próxima) lançamentos da Disney é Dumbo, dirigido por Tim Burton e com um elenco que inclui nomes do calibre de Danny DeVito, Michael Keaton, Colin Farrell e Eva Green.

E este vídeo que Reese Witherspoon postou em seu perfil no Instagram, confirmando que vai existir um Legalmente Loira 3? Depois do sucesso avassalador de Big Little Lies, em que ela brilhou como co-protagonista, será curioso vê-la de volta em seu primeiro papel de sucesso, tão juvenil…

It’s true… #LegallyBlonde3

A post shared by Reese Witherspoon (@reesewitherspoon) on

Entre os remakes mais problemáticos, temos o de O Corvo (que, com suas mortes e acidentes, é problemático desde que nasceu), que perdeu o diretor Corin Hardy e o ator Jason Momoa – a alegação é de diferenças criativas e de $$$ – o que é compreensível.

Já o novo Indiana Jones teve sua data de estreia adiada – e por tempo indeterminado. A razão parece ser a necessidade de reescrever todo o roteiro. Eita…

Representante das séries nessa listinha, embora não seja bem um remake, podemos aguardar uma produção super caprichada na versão série de Watchmen, anunciada pela HBO e já com um elenco de peso, que inclui Jeremy Irons, Don Johnson e Frances Fisher. Não precisamos esperar o segundo semestre de 2019 para apostar as fichas no sucesso da série.

Day 140.

A post shared by Damon (@damonlindelof) on

Concorda? Semana que vem… tem mais!

Hoje a gente deixa a nostalgia de lado. Quer dizer, mais ou menos: afinal, não tem nada mais ligado à nostalgia do que a mania da indústria cinematográfica de reciclar
Conteúdo exclusivo para assinantes

Para ler todas as notícias, assine agora!

Oferta especial para você ficar
bem informado SEM LIMITES

Menos de

R$ 0,35
ao dia
R$ 9,90 ao mês