Havan prepara lançamento do Centro Industrial Renaux; conheça o projeto

Espaços serão alugados para empresas do setor têxtil

Havan prepara lançamento do Centro Industrial Renaux; conheça o projeto

Espaços serão alugados para empresas do setor têxtil

Nesta segunda-feira, 16, a Havan anunciará em detalhes como será o projeto Centro Industrial Renaux, que reativará a estrutura da extinta Fábrica de Tecidos Carlos Renaux, na avenida Primeiro de Maio, em Brusque. A empresa encerrou as atividades em 2013.

Os galpões que ocupam 40 mil metros de área construída em 6 milhões de metros quadrados serão alugados para empresas nas áreas de fiação, tecelagem, tinturaria, malharia, confecção, facção, além de servir para depósito de insumos.

Uma das primeiras empresas a se instalar no local será da esposa de Luciano Hang, dono da Havan. A fábrica de edredons, que hoje tem 100 funcionários, deverá chegar a 300.

Hang explica que sua família tem ligação antiga com a fábrica Renaux. Disse que o avô, imigrante italiano, começou a trabalhar na empresa em 1911, e que seus pais e tios também laboraram na empresa, além dele próprio, por seis anos.

“Para mim não é só um negócio, é sentimento, é história”, afirma o empresário.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio