Rodrigo Santos

Jornalista esportivo - rodrigosantos@omunicipio.com.br

Returno embolado

Rodrigo Santos

Jornalista esportivo - rodrigosantos@omunicipio.com.br

Returno embolado

Rodrigo Santos

O Brusque teve um jogo encardido contra o Metropolitano, o que já era esperado, até pela situação do adversário e o fato da estreia do novo treinador, Mauro Ovelha, que sempre dá outra motivação e traz um pouco mais de complicação. No final, prevaleceu a maior qualidade do ataque brusquense sobre a deficiente defesa do time de Blumenau. Michel Douglas, que por destino entrou em campo logo após a lesão de Ricardo Lobo, foi o cara da partida, com duas assistências para Jonatas Belusso e um gol no segundo tempo, que garantiu mais três pontos importantes e manteve o time firme na briga pelo returno.

Essa segunda fase do Estadual tem um candidato novo, que foi muito mal no turno: o Joinville, antes super questionado pela sua torcida e que foi construindo o caminho com uma crescente interessante no seu rendimento. É líder isolado depois de vencer o Criciúma no último minuto, ontem à noite. Com isso, temos quatro times brigando pau a pau: atrás do JEC, Chapecoense e Brusque têm sete pontos, com o campeão do turno Avaí tendo 6. Olhando a classificação geral, que dá aos três primeiros uma vaga na Copa do Brasil, o jogo de ontem em Joinville trouxe uma ótima notícia ao Bruscão: com 23 pontos, a distância para o quarto lugar Criciúma passa a ser de seis pontos, faltando seis jogos para disputar. Mesmo se a vaga na final não vier, a conquista de mais uma vaga na competição nacional deve ser comemorada.

O Brusque tem boas chances de vaga na decisão, mas é necessário prestar atenção na Chapecoense, que não terá que dividir atenções com a Libertadores até a oitava rodada e que vem num sensível crescimento. Além disso, enfrentará Joinville, Avaí e Brusque dentro de casa, onde terá o apoio de sua torcida, que tem a melhor média do campeonato. O Avaí tem o time acertado, dominou o primeiro turno, mas agora assiste a evolução dos outros clubes, o que tira um pouco da sua superioridade. O JEC é uma incógnita: acompanhei os seus últimos quatro jogos e consigo ver uma evolução. Se ela será suficiente para o título, é outra história.

Domingo tem pedreira em Tubarão, contra um time que tomou 7 em Chapecó e tomou virada na Ressacada. Com coragem e jogando o que sabe, dá pra faturar mais três pontos.


Na TV
As partidas do Brusque contra a Chapecoense, no dia 29, e contra o Avaí, na rodada seguinte, terão transmissão pela TV Aberta. Boa oportunidade de exposição para os patrocinadores do clube. Por outro lado, pode tirar público do jogão contra o campeão do primeiro turno.


Mercado
O Brusque já se mexe no mercado visando a Série D. Manu e Marrone são os primeiros nomes da “remontagem” do elenco, diante de uma realidade inevitável: o time perderá vários jogadores ao fim do campeonato estadual. É efeito do sucesso. Não tem como segurar. Jonatas Belusso é um que já teve várias sondagens. Dá pra afirmar que muito provavelmente metade do time titular irá embora.


Basquete
Vida dura do time de basquete masculino de Brusque. A campanha da equipe na Liga Ouro não é boa, com quatro derrotas. De certa forma, o desafio é complicado: o investimento não é alto e o campeonato tem nível elevado. Blumenau, por exemplo, contratou dois jogadores americanos. O próximo desafio é semana que vem, contra Joinville, time treinado pelo ex-técnico brusquense George Salles.


Reforma
A Fundação Municipal de Esportes contratou, via licitação, uma empresa para fazer consertos emergenciais no telhado da Arena Brusque, algo importante e altamente necessário. Acontece que a empresa ganhadora do processo havia desaparecido. O superintendente Ademir de Souza afirmou à coluna que tentou encontrar o responsável de todo jeito, sem sucesso. As goteiras atrapalham muito: semana retrasada, o jogo do basquete pela Liga Ouro ficou um bom tempo parado para que a quadra fosse enxugada.


Jasc
A Fesporte bateu o martelo: os Jogos Abertos de Santa Catarina acontecerão de 3 a 11 de novembro, na cidade de Lages. O governo do estado apostará em uma forte campanha para atrair o interesse na competição, que não aconteceu no ano passado. O fim das fases regionais como conhecemos pode até fazer com que mais equipes de Brusque estejam na fase estadual. Tudo vai depender, claro, dos investimentos.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio