Entenda a troca do feriado do Dia do Padroeiro em São João Batista

Alteração foi definida em comum acordo com as entidades de classe

Entenda a troca do feriado do Dia do Padroeiro em São João Batista

Alteração foi definida em comum acordo com as entidades de classe

O feriado do Dia do Padroeiro de São João Batista foi trocado de 24 para 21 de junho. A sugestão do vereador Leôncio Paulo Cypriani (MDB) foi acatada pela administração municipal, em concordância com o Sindicato das Indústrias de Calçados de São João Batista (Sincasjb), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e paróquia.

A alteração foi regulamentada por decreto e tomada por se mostrar mais conveniente para atender aos interesses dos diversos segmentos do município.

O prefeito Daniel Netto Cândido afirma que a medida não prejudicará as festividades alusivas à data e, ainda, que os serviços essenciais serão mantidos no período.

O pároco Élio Luis Grings concordou com a alteração, sendo que na quinta-feira, 20, já será também feriado religioso de Corpus Christi. “Eu até prefiro que não seja mesmo feriado no Dia do Padroeiro, porque a gente sabe que em feriado os batistenses costumam sair da cidade, e isso prejudica para a Igreja, pois a participação dos fiéis diminui”, diz.

Ele lembra que, com o feriado de Corpus Christi, a tradicional Festa de São João ganhou um dia a mais, tendo início na noite de quinta-feira, 20, com um bingo.

Na segunda-feira, 24, data festiva, haverá uma celebração eucarística com a presença do Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck. “Espero que a população participe conosco desse momento que será tão importante e especial para a igreja”, comenta o padre.

Comércio do Centro estará aberto
O diretor-executivo da CDL São João Batista, William Santos, informa que o comércio de confecções e calçados do Centro da cidade abrirá na sexta-feira até às 19h30, e no sábado até às 16h. O horário de abertura das lojas será divulgado posteriormente pela entidade.

Em compensação fechará na segunda-feira, 24, obedecendo o que já havia sido definido pelos próprios lojistas em reunião anterior à decisão.

“A CDL apoiou o decreto devido à democracia em que vivemos e por entender que outras segmentações e atividades econômicas, como a indústria, se beneficiará pela alteração do feriado. E essas atividades também são representadas e apoiadas pela entidade”, explica.

Em contrapartida, a CDL solicitou ao Poder Público Municipal a antecipação da primeira parcela do 13º salário dos servidores públicos municipais, para que seja aquecida a economia local.

Antecipação do 13º
Atendendo ao pedido da CDL, a prefeitura do município decidiu antecipar a primeira parcela do 13º salário dos servidores para o dia 18 de junho. A concessão do benefício injetará mais de R$ 1,3 milhão na economia batistense, às vésperas da Festa do Padroeiro.

“Apesar da crise econômica em todo o país, que também afeta nosso município, temos conseguido manter os salários em dia. Isso só é possível graças a uma série de medidas que tomamos, como a redução no número de cargos comissionados e a redução em gastos com aluguel”, destaca o prefeito.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio