Secretário regional viaja à China

Jones Bosio passa 15 dias no exterior para conhecer novas tecnologias do setor calçadista e analisar obras de infraestrutura

Secretário regional viaja à China

Jones Bosio passa 15 dias no exterior para conhecer novas tecnologias do setor calçadista e analisar obras de infraestrutura

O secretário de estado de Desenvolvimento Regional de Brusque, Jones Bosio, partiu ontem em viagem à China, onde passará 15 dias, com objetivo de conhecer novas tecnologias de produção empregadas no setor calçadista. A viagem é realizada em parceria com o Sindicato dos Calçadistas de São João Batista, e servirá também para observação de obras de infraestrutura.

Bosio se descompatibilizou da função durante 15 dias, para não dar despesa ao estado, alega. Enquanto ele está licenciado, quem responde pela SDR é o seu diretor geral, Valdir Wilke.

A missão no oriente começa por Hong Kong. O secretário irá acompanhado de grupo de empresários do setor calçadista, e realizará visitas a sete estados. Entre as atividades, está a observação de novas tecnologias destinadas à indústria calçadista.

O objetivo é conhecer novas máquinas, matéria-prima, novos tipos de couro e borracha empregados na produção, métodos de produção e comercialização dos produtos. Segundo Bosio, a indústria calçadista da região registrou queda nas vendas e na produção, de 2013 até o momento.

“Foi uma queda em torno de 20%, em relação ao ano passado. Há uma preocupação em relação a isso, por isso esse grupo de empresários quer trazer novidades para o mercado, e também estruturar suas empresas para o futuro”, afirma o secretário.

Infraestrutura em pauta

Além disso, Jones Bosio diz que a estadia na China também servirá para análise de obras de infraestrutura que possam servir de inspiração para o Brasil.

“Vamos analisar obras verticais e subterrâneas, para que se possa trazer ideias para nossa cidade. Temos dificuldade de mobilidade e organizar estacionamentos, queremos conhecer novos modelos. Ainda estamos muito atrasados nesta questão de acessibilidade e modernidade urbana”, justifica.

As experiências chinesas devem ser apresentadas à população de Brusque em audiência que, previamente, está sendo organizada para o dia 4 de dezembro. Esse encontro pode ser realizado na Secretaria de Desenvolvimento Regional ou, ainda, na Câmara de Vereadores. No entanto, essa data ainda pode ser alterada.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio