Conteúdo exclusivo para assinantes
Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Senador Paulo Bauer entra na lista dos 100 parlamentares mais influentes do ano

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Senador Paulo Bauer entra na lista dos 100 parlamentares mais influentes do ano

Raul Sartori

Bauer articulador
O senador Paulo Bauer (PSDB) comemorou a presença do seu nome na lista dos 100 parlamentares mais influentes do ano, elaborada pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP). Ele é um dos 19 novos integrantes do ranking, que é realizado anualmente. Ficou feliz, principalmente, porque a instituição representa aproximadamente 900 entidades sindicais de trabalhadores de todo o país. A presença do catarinense, segundo o estudo, se deve ao seu caráter articulador no Congresso, fruto direto do trabalho como líder da bancada tucana no Senado.

Amores políticos
O PMDB e o DEM de SC estão jogando flechinhas amorosas de lado a lado. Tem tudo para virar um enlace para 2018. O namoro com o PSD não tem mais paixão nenhuma.

“Um louco”
Embora integre a base aliada no Legislativo, o deputado estadual Fernando Coruja (PMDB) e Raimundo Colombo (PSD) estão de relações cortadas. O próprio deputado explicou o motivo, da tribuna da Assembleia Legislativa. Disse que o governador comentou em Lages que a região Serrana tem apenas um deputado, Gabriel Ribeiro (PSD), seu sobrinho, e que ele, Coruja, “é um louco”.

Sem farra
O prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, ficou ao lado da grande maioria da população e, por decreto, assinado há tempos, acabou com a farra dos pontos facultativos antecedendo ou sucedendo feriados no meio da semana. Hoje tem expediente normal em todos os órgãos municipais.

Melhores
O Brasil perdeu seis universidades no ranking internacional das mil melhores, divulgado pela publicação britânica Times Higher Education. Na edição deste ano, publicada nesta semana, 21 instituições do País estão na lista mundial, começando pela Universidade de São Paulo (USP). Está lá, orgulhosamente, a UFSC, em 16º lugar entre as melhores brasileiras.

Desculpas
Sempre é tempo de se reparar injustiça. Não raro se ouve o papa Francisco pedir perdão por terríveis pecados cometidos pela Igreja Católica há séculos. Um dos mais recentes foi para as vítimas de padres pedófilos. E isso que o faz tão admirado. E nossa Assembleia Legislativa cumpre seu papel em também reparar uma injustiça ao reconhecer, via projeto de lei do deputado Dirceu Dresch (PT), o poeta Cruz e Sousa como promotor público. Em 1883, foi indicado para tal cargo em Laguna, mas não empossado por ser negro. Corrige-se, de forma simbólica, um erro histórico. É também uma forma de reconhecer a luta de todos aqueles que atuam contra o racismo.

Já é
O projeto em discussão em Criciúma, propondo proibir que vereadores assumam cargos públicos, inclusive de secretários municipais, sem renunciar ao mandato, já é realidade, através de lei, em Rio do Sul, a partir da próxima legislatura.

Inacreditável
Laboratórios de análises clínicas que atendem pelo SUS recebem, hoje, risíveis R$ 1,85 por um exame de glicose. Um cirurgião ganha entre R$ 50 a R$ 60 por procedimento além da tabela, que não tem reajuste há 23 anos.

Diferente
Ao contrário da administração direta estadual, o expediente do Poder Judiciário, hoje, tanto na sede do TJ-SC quanto em suas 111 comarcas distribuídas em todo o estado, será normal.

Best seller
SC tem um autor de sucesso em vendas de livros. É o jornalista Marcos Piangers, de 37 anos (e boa gente, sobretudo), que já vendeu 150 mil exemplares. Seus títulos enfocam os sabores e dissabores de ser pai. Anita, 12, e Aurora, 5 anos, suas filhas, lhe dão todo o instrumental para escritos de sucesso como “O Papai é Pop” e “O Papai é Pop 2”.

Holerite
Será que é vergonha? Na divulgação de seu novo concurso para professor, com inscrições abertas até dia 12, a Secretaria Estadual de Educação não toca na remuneração que pagará aos novos contratados. Aliás, o valor da inscrição (R$ 100) é motivo de muita reclamação. Podia ser mais camarada.

DETALHES
É, o salvador da esquerda e dos pobres, o político mais honesto que este país teve, está morto.

Lido, alhures: “Jogaram o Brasil na lata do lixo. O pior é que parece que o material não é reciclável”.

Dinheiro não compra felicidade, dizem. Não compra também educação, civilidade e uma série de outras virtudes que não tem o enrolado e boçal bilionário Joesley Batista. Mostra sua verdadeira personalidade nas gravações que o Brasil está ouvindo.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio