Conteúdo exclusivo para assinantes

Sistema mobile agiliza trabalho da Polícia Militar de Brusque

Utilizado há pouco mais de um ano, aplicativo reduziu tempo de atendimentos

Sistema mobile agiliza trabalho da Polícia Militar de Brusque

Utilizado há pouco mais de um ano, aplicativo reduziu tempo de atendimentos

Há pouco mais de um ano os municípios que compõem o 18º Batalhão da Polícia Militar utilizam o Sistema Mobile, que integra todos os serviços da polícia em um único aplicativo. Atualmente, todas as viaturas possuem o kit com um tablet e uma impressora portátil, que auxiliam no atendimento das ocorrências.

Brusque foi o 12º município do estado a receber os equipamentos. O comandante do 18º BPM, tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro explica que a principal preocupação em relação ao mobile é a agilidade no atendimento junto à comunidade. “É uma maneira de desburocratizar nosso trabalho para que possamos atender a comunidade com bastante qualidade e rapidez”.

Como a Polícia Militar sofre com a falta de efetivo, o comandante ressalta que o sistema auxilia nesse sentido, pois quanto menos tempo se leva num atendimento, é possível atender mais ocorrências.

A tecnologia também tem auxiliado na obtenção de informações em tempo real. “Conseguimos apurar informações de pessoas foragidas, veículos furtados, além de fazer o boletim de ocorrência online e encaminhar para o e-mail do solicitante”, explica Gomes.

O sistema mobile ainda trouxe economia ao estado, pois com ele foi deixado de lado os relatórios, boletins e documentos feitos no papel, que além do tempo que se perdia para confeccionar, também trazia um gasto financeiro desnecessário.

Aplicativo completo
Para o comandante, o aplicativo utilizado em Santa Catarina é melhor até mesmo do que de países de primeiro mundo. “Normalmente, nesse procedimento, eles conseguem apurar apenas dados de pessoas foragidas ou veículos furtados. O nosso é mais amplo e completo, pois é possível fazer o BO e auto de infração de trânsito”, informa.

A implantação do mobile teve como intuito também a substituição do radioamador, dando mais segurança para as operações policiais. Agora, todas as ocorrências são repassadas para os policiais por meio do aplicativo no tablet. “Infelizmente sabemos que há meios de interceptar nossa frequência para usos indevidos”.

 

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio