Sobram vagas e falta procura em Brusque

Final de ano é época de buscar novas oportunidades de emprego, porém faltam interessados até mesmo para trabalhos permanentes

Sobram vagas e falta procura em Brusque

Final de ano é época de buscar novas oportunidades de emprego, porém faltam interessados até mesmo para trabalhos permanentes

Fim de ano é tempo de festas, confraternizações e também período que representa um aquecimento da economia. Também é uma ótima oportunidade para quem deseja retornar ao mercado de trabalho ou incrementar a renda com algum ganho extra. 

De acordo com o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Brusque, Altamir Antônio Schaadt, em relação ao mesmo período do ano passado, já há um acréscimo de 10% nas vendas do comércio em 20 cidades catarinenses, incluindo Brusque. O presidente salienta que a cidade é carente de mão de obra em todos os setores econômicos e este índice se reflete na contratação de novos funcionários, principalmente em época de Natal.

Mais procurados
Há um ano e quatro meses, Cristiane Pereira coordena o Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Brusque, e relata que em sua administração os empregos mais procurados são os de pedreiro, vendedor e nas setores têxtil e mecânico. O curioso é que em dezembro a procura por novos empregos diminuiu. 

– A maior parte das pessoas que se dirigem ao Sine neste período, vêm para dar entrada no seguro-desemprego e não buscam retornar ao mercado de trabalho ainda este ano, em virtude das festas – explica.

Trabalhadores como João Maria da Silva, de 63 anos, que aguardava sua vez na fila do Sine na sexta-feira para dar entrada no benefício. Ele busca uma nova colocação no mercado de trabalho como motorista. 

– Não tenho problemas para encontrar emprego no fim do ano, acho até mais fácil na minha área, mas prefiro começar somente a partir do ano que vem – afirma. 

Vagas como técnico de enfermagem, técnico de segurança do trabalho e operador de estação de tratamento de água e efluentes incrementam o quadro das novas oportunidades de trabalho oferecidas pelo sistema. A coordenadora informa que são disponibilizadas em média de 20 a 40 vagas por mês e que só neste ano foram encaminhados 1.374 candidatos para entrevistas. 

– Encerramos o ano com cerca de 70 vagas sem preenchimento, pois nem todas as pessoas aceitam os serviços oferecidos. Muitas querem ganhar salários iguais ou acima do pagos em empregos anteriores – analisa.

Conforme Cristiane, as empresas que buscam candidatos no Sine estão cientes de que grande parte dos perfis não possuem qualificação. Sendo assim, a maioria das vagas disponíveis não exigem experiência. 


Comércio alavanca oportunidades
O comércio é geralmente o que mais contrata novos funcionários no período das festas. De acordo o presidente da Associação das Micro e Pequenas Empresas (Ampe), Anilcon “Nilo” Schulenburg, entre novembro e dezembro se registra um aumento significativo no número de vagas, principalmente no setor de vendas. 
Em geral, as vagas de emprego temporário exigem do candidato alguns requisitos: segundo grau completo, simpatia, facilidade de comunicação e força de vontade. A professora Bárbara Fink dos Santos, 26 anos, aproveita esta época para aumentar sua renda e trabalhar com seu hobby favorito, o teatro. Desde o início de dezembro foi contratada por uma loja para distribuir panfletos, pirulitos e muita simpatia. Vestida com trajes natalinos, Bárbara conta a paixão pelo teatro começou há nove anos e que hoje rende frutos. 
– Faço trabalhos temporários em todas as datas comemorativas e além de um ganho extra, me divirto, pois adoro o que faço – complementa.

Confira dicas dos recrutadores para seu emprego neste fim de ano
– Boa apresentação e currículo
– Força de vontade
-Qualificação
-Comprometimento
– Disponibilidade de horários
– Idoneidade
– Boa Comunicação
– Boa Aparência
– Adaptar-se as normas da empresa
– Bom relacionamento interpessoal
– Pontualidade

** Leia a matéria completa na edição desta segunda-feira, 17 de dezembro.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio