Subcomandante da Polícia Militar de Brusque é promovido a tenente-coronel

Major Otávio Manoel Ferreira Filho assume o posto de tenente-coronel e deverá deixar o município

Subcomandante da Polícia Militar de Brusque é promovido a tenente-coronel

Major Otávio Manoel Ferreira Filho assume o posto de tenente-coronel e deverá deixar o município

O major Otávio Manoel Ferreira Filho foi promovido na tarde desta sexta-feira, 11, a tenente-coronel. A solenidade de formatura ocorreu na sede do 18º Batalhão da Polícia Militar, em Brusque, onde se comemorou também o aniversário de Santa Catarina.

Outros dois oficiais, capitão Heintje Heerdt e o 2º tenente Joaquim Soares de Lime Neto, foram promovidos aos cargos de major e 1º tenente, respectivamente. Além deles, três praças também foram promovidos, sendo os cabos Eduardo José Duarte, Charles Kraemer e Nelmo Pedro Rosa dos Santos que foram ao posto de 3º sargento. Outros militares ainda foram destacados pelo atendimento em ocorrências.

Ferreira Filho atua na PM há 26 anos e meio e, durante 14 anos exerceu a profissão em Brusque. Com a promoção, o militar fica à disposição do estado e do comando-geral, e deve, em breve, ser transferido para outro batalhão. Entretanto, o objetivo do oficial é de, quem sabe, no próximo ano, com a saída do tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro, atual comandante do 18º BPM, que também deve ser promovido, retornar para Brusque.

“Pretendo voltar e dar continuidade no trabalho que venho fazendo há anos nessa cidade e dar continuidade ao trabalho do Gomes perante a PM de Brusque. Hoje posso afirmar que temos uma das melhores unidades de PM do estado, tanto em estrutura como em níveis de perfis profissionais”, informa. O oficial acrescenta que com o retorno, pretende melhorar ainda mais os índices de criminalidade no município.

Para que o retorno de Ferreira Filho seja possível, a intenção dele é permanecer na 7ª Região da PM, em Blumenau, para que a transferência no próximo ano seja facilitada. “Se eu estiver fora da RPM o retorno se torna mais difícil, pois estarei competindo com qualquer outro tenente-coronel em nível estadual”, explica.

Com a saída de Ferreira Filho, o capitão Heintje Heerdt, que foi promovido a major, automaticamente assumirá o subcomando da PM em Brusque. “A parte ruim da promoção é a perda de um profissional, mas temos esperança de que o tenente-coronel Otávio fique na RPM para auxiliar o 18ºBPM e com minha saída, venha comandar em meu lugar”, comenta o comandante, tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro.

Além das promoções, a cerimônia também foi marcada pela entrega de quatro novas viaturas, sendo três carros Cruze, Blazer e Spin, e uma motocicleta para uso da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (Rocam).

“Essa parceria que temos com a CDL [Câmara de Dirigentes e Lojistas] e prefeitura é importante, pois assim conseguimos renovar nossa frota e proporcionar aos policiais mais condições de trabalho para que executem um bom serviço para a comunidade”, avalia Gomes.

Visita importante
A cerimônia de formatura do 18º BPM foi prestigiada ainda pelo novo comandante da 7ª RPM, coronel Carlos Alberto Fritz Bueno. Há poucos meses à frente da regional, ele destaca que a Polícia Militar de Brusque tem a excelência do policiamento, pois faz muito com pouco efetivo.

Policial desde 1990, quando entrou como aspirante a oficial no 10º BPM de Blumenau, o coronel tem vasta experiência como comandante, onde ficou por quatro anos em Pomerode, dois em Florianópoilis e, neste ano, então assumiu o posto do comando da regional. A 7ª RPM compreende três batalhões sendo de Blumenau, Brusque e Rio do Sul, com 44 municípios de abrangência.

“Estou feliz de ter voltado e vejo que os índices da região são de excelência. A criminalidade apesar de assustar, apresenta boas estatísticas e nosso objetivo é sempre manter ou como está ou tentar diminuir”, comenta.

Ele ressalta que a PM de Santa Catarina está sempre investindo em tecnologias, como o mobile e novos sistemas de comunicações para tentar “desorganizar” o crime. “Sempre falamos que o crime para acontecer tem três vertentes: a vítima, o criminoso e oportunidade. Temos que trabalhar para acabar com as oportunidades do criminoso, e com isso cada cidadão também tem papel importante”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio