Supermercados de Brusque comemoram movimento intenso no Natal

Aves natalinas, panetones, frutas e chocolates são os itens mais procurados durante esta semana

Supermercados de Brusque comemoram movimento intenso no Natal

Aves natalinas, panetones, frutas e chocolates são os itens mais procurados durante esta semana

A semana começou movimentada nos supermercados de Brusque. Com a proximidade do Natal, é inevitável aquela passadinha no mercado para garantir os produtos que compõe a tradicional ceia.

O proprietário do supermercado O Barateiro, José Francisco Merizi, afirma que a movimentação no estabelecimento começou na segunda-feira, 19, e com o passar dos dias foi crescendo. A expectativa, porém, é que o maior movimento ocorra hoje e amanhã. “Essa semana que começamos a sentir o clima de Natal mesmo, com as pessoas já fazendo as compras para a ceia. Geralmente, as compras no supermercado ficam sempre para os últimos dias para ter os produtos mais frescos”.

Entre os produtos que mais saem nesta época do ano estão as aves como chester e peru; carnes, principalmente contra filé e alcatra; além de chocolates, panetones, frutas e bebidas. Merizi destaca que os produtos não tiveram grande reajuste e estão na mesma faixa de preço do ano passado. O preço médio do peru no O Barateiro, por exemplo, varia de R$ 6 a R$ 18 o quilo. “Esperamos um movimento igual ou até melhor do que no ano passado”.

No supermercado Archer, o movimento para o Natal também se intensificou nesta semana. O gerente Udo Wandrey afirma que a procura pelas aves tem dois períodos: até a metade do mês, quando as empresas compram para presentear seus funcionários, e nos últimos três dias antes do Natal quando as pessoas compram para a própria ceia. “Como é uma ave grande, as pessoas deixam pros últimos dias para comprar e já poder preparar”, diz. Segundo ele, o preço do peru varia de R$ 7 a R$ 14 o quilo.

Neste ano, o gerente espera também um movimento próximo ao do ano passado. “Compramos a mesma quantidade de produtos do ano passado. Acredito que o movimento vai ficar na média”, diz.

Ele também afirma que o movimento deve ser mais intenso hoje e amanhã. “Como o Natal vai cair em um domingo, as pessoas têm a semana inteira para comprar, não precisam se apurar muito”.

No Bistek, segundo o gerente Ricardo Polastrini, as vendas de Natal devem superar o ano anterior. “A semana começou muito boa, em dois dias da semana conseguimos superar 2015, agora os últimos dois dias serão decisivos, mas a nossa expectativa é muito boa”.

De acordo com ele, a principal procura neste período é pelos produtos sazonais como as aves – peru, chester e tender; chocolates; frutas e bebidas. “Todo mundo sabe que as pessoas deixam pra fazer as compras na última hora, aqui não deve ser diferente”. No Bistek, o peru está custando R$ 11,88 o quilo e o cliente leva de brinde um refrigerante de 1,5 litros.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio