Tenistas brusquenses são destaque na 4ª etapa do Campeonato Estadual de Tênis Infanto-Juvenil

Evento foi realizado em Brusque, neste fim de semana, e reuniu 130 atletas de todo o Estado

Tenistas brusquenses são destaque na 4ª etapa do Campeonato Estadual de Tênis Infanto-Juvenil

Evento foi realizado em Brusque, neste fim de semana, e reuniu 130 atletas de todo o Estado

Neste fim de semana, em Brusque, foi realizada a 4ª etapa do Campeonato Estadual de Tênis Infanto-Juvenil. As provas foram sediadas no Clube Esportivo Guarani e na Sociedade Esportiva Bandeirante. A competição reuniu 130 tenistas de todo o estado. Eles estavam divididos em cinco categorias – 7 a 9 anos, 10 anos, 12 anos, 14 anos e 16 anos -, entre masculino e feminino.

De Brusque, três atletas foram campeões. Do Clube Guarani Guabifios, Natália Tormena foi a vitoriosa na categoria de 14 anos. Do Clube Bandeirante, Maria Vitória Rodrigues foi campeã na categoria de 12 anos e João Marcelo Caetano na categoria de 10 anos.

O Clube Guarani Guabifios foi representado por nove tenistas. Além de Natália, quem teve um dos melhores resultados foi o vice-campeão na categoria 9 anos, Bernardo Fuckner. O técnico da equipe, Amilton Silva, o Boca, conta que o destaque da competição foi a tenista Natália, que com o resultado obtido, assume a primeira posição do ranking do estado. “Além dela, também temos o Mateus Buemo, que mesmo perdendo na segunda rodada do estadual, continua sendo o 1º do ranking do estado na categoria 12 anos, masculino”, acrescenta.

Segundo Boca, hoje Brusque é o melhor formador de base de Santa Catarina. “Posso falar de fonte segura, até mesmo pelos resultados que o tênis da cidade está alcançado. Exemplo disso foi visto nesta etapa”, comemora.

O técnico frisa que Brusque é destaque no estado por ter cinco quadras de tênis cobertas. “Mesmo com tanta chuva conseguimos fazer o torneio. Somos umas das poucas cidades que oferecem essa estrutura. Perdemos em número apenas para Criciúma, que tem seis quadras cobertas”, lembra.

O Clube Bandeirante também participou da competição e foi representado por sete tenistas. O técnico da Sociedade Esportiva Bandeirante, Léo Fernando Facchini, diz que a competição foi muito importante e organizada, apesar da chuva. “Mas Brusque tem uma boa estrutura e isso faz com que os atletas gostem de jogar aqui”, comenta.

Facchini salienta que, devido à chuva, foi necessário cancelar duas modalidades: a etapa de consolação e a de duplas. “Isso acaba prejudicando os atletas que vieram de longe e perderam na primeira rodada, na sexta-feira. Precisaram ficar até ontem esperando o fim da competição para voltar para casa”, explica.

O técnico destaca o trabalho feito com os dois atletas mais novos da equipe: Cauã Damasceno e André Caetano, ambos com sete anos. “Eles estão enfrentando todos os outros adversários de 9 anos e conseguiram chegar até as quartas de finais”, conta Facchini.

Próximas etapas

A 4ª etapa do Campeonato Estadual foi a última antes do Master, que acontece de 6 a 8 de novembro, em Criciúma. O técnico Amilton Silva, o Boca, diz que essa etapa tem pontuação dobrada. Ou seja, no estadual o campeão ganha 180 pontos, já no Master, é 360. “Só tem participação garantida no Master, os oito primeiros do ranking estadual”, explica.

Antes do Master, todos os tenistas da Sociedade Esportiva Bandeirante estarão presentes na Semana Guga Kuerten, que acontece em Florianópolis, entre 8 a 18 de outubro.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio