Teresinha Voss Wanka, 60 anos, foi diagnosticada com câncer na mama direita no fim de 2007. O Natal, um período tão esperado por ela e pela família, devido à notícia, não foi tão bom.

“Foi um choque, fiquei sem chão, mas tive que encarar”. E foi isso que Teresinha fez. Começou o tratamento e com otimismo a cada dia vem se superando.

Em 2008 retirou a mama direita, mas logo descobriu que também tinha um nódulo na esquerda, no qual precisou retirar um quadrante. Além dos seios, o câncer acabou se espalhando para outros órgãos, mas Teresinha se mantém forte e com fé.

Teresinha Voss Wanka
Idade: 60 anos
Profissão: Costureira
Bairro: Guarani

Ela já perdeu as contas da quantidade de quimioterapia que fez, além das muitas sessões de radioterapia e injeções. “É difícil, mas quando comecei o tratamento vi casos piores do que o meu”.

O importante, segundo a costureira, é ter fé em Deus e ter o apoio dos familiares. “Se não fosse meu esposo e meus filhos não sei como teria enfrentado. E com certeza é preciso ter força de vontade e se ajudar bastante para vencer o câncer”.

Teresinha Voss Wanka, 60 anos, foi diagnosticada com câncer na mama direita no fim de 2007. O Natal, um período tão esperado por ela e pela família, devido à notícia,
Conteúdo exclusivo para assinantes

Para ler todas as notícias, assine agora!

Oferta especial para você ficar
bem informado SEM LIMITES

Menos de

R$ 0,35
ao dia
R$ 9,90 ao mês