Transitolândia: Brusque ganha escola de trânsito para educar crianças

Inauguração da estrutura construída junto ao centro de operações da Polícia Militar, aconteceu nesta terça-feira, 13 de agosto

Transitolândia: Brusque ganha escola de trânsito para educar crianças

Inauguração da estrutura construída junto ao centro de operações da Polícia Militar, aconteceu nesta terça-feira, 13 de agosto

Em baixa velocidade e com muita atenção, os estudantes do 5º ano da Escola de Ensino Fundamental Nova Brasília trafegaram pela primeira vez nas ruas da Transitolândia – um espaço modelo para o aprendizado teórico e prático sobre o trânsito. A primeira experiência dos alunos aconteceu na tarde desta terça-feira, 13 de agosto, logo após a inauguração do local, construído junto ao centro de operações da Polícia Militar como forma de contribuir para a instrução de crianças e jovens acerca do tema.

A Transitolândia simula uma via comum da cidade, com placas indicativas, sinalização horizontal, faixas elevadas e calçadas. A escola vivencial de trânsito estará à disposição de estudantes das redes municipal, estadual e particular de Brusque e também de municípios vizinhos. A iniciativa é uma proposta da Prefeitura de Brusque, por meio da Secretaria de Trânsito e Mobilidade e apoio da Secretaria de Educação. As visitas poderão ser agendadas nas terças e quintas-feiras.

O secretário da Setram, Paulo Sestrem, destaca a importância do projeto. “Este é um trabalho modelo, sem precedentes na região, e cujos resultados surgirão a médio e longo prazo. Os reflexos da iniciativa serão sentidos com maior intensidade no futuro. É um novo passo para a construção de um trânsito mais seguro em nossa cidade”, acrescenta.
O projeto visa instruir os estudantes sobre quais as melhores formas de se comportar no trânsito para a promoção de um ambiente mais seguro nas ruas. “Além das aulas teóricas também serão realizadas aulas práticas. Nossa intenção é que as crianças atuem como multiplicadoras dentro de suas casas e com seus amigos, disseminando essas informações para toda a comunidade”, explica o Sestrem.


Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio