Trecho de 700 metros do prolongamento da Beira Rio deve ser pavimentado em agosto

Obra será executada com recursos próprios da prefeitura pela Usina de Asfalto

Trecho de 700 metros do prolongamento da Beira Rio deve ser pavimentado em agosto

Obra será executada com recursos próprios da prefeitura pela Usina de Asfalto

Os cerca de 700 metros do prolongamento da avenida Beira Rio que não serão contemplados com os R$ 4 milhões da Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina (Badesc) serão pavimentados com recursos próprios da Prefeitura de Brusque.

Nesta semana, os trabalhos no local iniciaram com a implantação da base para a colocação da camada asfáltica, que segundo o vice-prefeito Ari Vequi, deve iniciar ainda em agosto. Como o trabalho será executado com produção da Usina de Asfalto de Brusque, ainda não há um valor estimado para a pavimentação deste trecho. “Só teremos o valor no momento que a obra for finalizada”, diz.

Além da preparação da base, também há alguns pontos em que a drenagem ainda precisa ser concluída, nas proximidades da rua Teodoro Staack. “Também vamos executar uma nova entrada para a Unifebe por trás, o que já vai desafogar o trânsito naquela região”, destaca o vice-prefeito.

Há um bom tempo, este trecho já é utilizado, principalmente pelos moradores da região. Vequi ressalta, porém, que depois de asfaltado, será preciso uma sinalização cuidadosa no local, já que a prefeitura está estudando a implantação de uma rótula para dar mais segurança e fluidez ao trânsito no local.

“Provavelmente, vamos tirar a rótula da ponte do Santos Dumont e colocar lá embaixo, entre a rua que vem da Unifebe atual e a nova Beira Rio”, explica o vice-prefeito.

Licitação será no dia 14 de agosto
A licitação para o início da obra do trecho de 3,9 quilômetros que vai das proximidades da Unifebe até o limite com Itajaí, que será executada com recursos do Badesc, será no dia 14 de agosto.

Vequi destaca que se todas as empresas participantes da licitação mandarem representantes, as propostas poderão ser abertas neste mesmo dia. Se enviarem propostas somente por correspondência, será preciso aguardar mais cinco dias para verificar se toda a documentação está correta.

O vice-prefeito revela ainda que a prefeitura está no aguardo do anúncio de uma nova etapa do Fundo de Apoio dos Municípios (Fundam), do governo do estado, para que possam aplicar os recursos do programa na pavimentação deste trecho e na execução da ponte sobre o rio Limeira.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio