Vasco goleia na Libertadores; Chape perde em casa

Evander fez dois gols em 15 minutos para o time de São Januário; Verdão teve jogo complicado

Vasco goleia na Libertadores; Chape perde em casa

Evander fez dois gols em 15 minutos para o time de São Januário; Verdão teve jogo complicado

O Vasco venceu a Universidad de Concepción, do Chile, por 2 a 0, nesta quarta-feira, 31, em partida de ida da segunda fase da Copa Libertadores. Os gols foram marcados por Evander, que assumiu a camisa 10 cruzmaltina após a recente saída de Nenê.

Logo aos dois minutos de jogo, Andrés Ríos fez o passe para Wellington, que de primeira emendou para Paulinho. O meia rolou de calcanhar para Evander chutar pro gol e abrir o placar para o Vasco.

Aos 15, o goleiro Cristian Muñoz foi até a intermediária para afastar uma bola perigosa para a defesa da equipe chilena. No entanto, a bola desviou e sobrou para Evander. Muñoz ficou pedindo toque de mão e o meia aproveitou para ampliar a vantagem com um chute de longe.

Aos 33 da segunda etapa, após um péssimo cruzamento de Rildo, o goleiro Muñoz falhou novamente e entregou a bola nos pés de Yago Pikachu, que executou a formalidade de empurrar a bola pra dentro do gol.

E três minutos depois, a conta é fechada com Rildo, que recebeu livre de Thiago Galhardo e completou após ficar cara a cara com o goleiro adversário. Foi a maior goleada do Vasco na história da Libertadores.

A partida de volta está marcada para a próxima quarta-feira, 7, às 21h45 em São Januário.

Chape tem dois expulsos e perde para o Nacional na Arena Condá
A Chapecoense perdeu para o Nacional, do Uruguai, por 1 a 0, e se complicou na luta pela classificação. A partida foi disputada nesta quarta-feira, 31, na Arená Condá, em Chapecó.

O Nacional tentava atacar se aproveitando do erro dos donos da casa, enquanto a Chapecoense buscava ligações diretas, sem sucesso.

Aos 28 minutos do segundo tempo, os uruguaios tiveram espaço. Bergessio recebeu pela esquerda, chegou à linha de fundo e cruzou na saída do goleiro Jandrei. Romero apareceu sem marcação, na pequena área, e encheu o pé para marcar o gol da vitória.

Três minutos depois, o lateral esquerdo Espino foi expulso pelo segundo cartão amarelo. A Chapecoense começou a se desesperar pelo gol de empate, mas acabou tendo dois jogadores expulsos: Perotti, aos 40 do segundo tempo, com uma entrada violenta de sola depois de seis minutos em campo; e Eduardo, aos 42 minutos.

A Chapecoense vai a Montevidéu na próxima quarta-feira, 7, às 21h45. Vitória por 1 a 0 leva o jogo aos pênaltis. Vitória por 2 a 0, 2 a 1, 3 a 2 e assim por diante garante o time catarinense na próxima fase.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio