O Vasco chega a uma indigesta quarta participação na Série B, e o objetivo é não repetir o que fez o Cruzeiro em 2020. Portanto, a temporada precisa ser o mais rápida e indolor possível, rumo à Série A. Ainda assim, com uma campanha ruim no Carioca, da qual o cruzmaltino não pôde tirar nada além que um troféu de consolação da Taça Rio, é normal que haja torcedores que não esbanjem otimismo.

De qualquer forma, o elenco, no papel, tem uma qualidade considerável: jogadores como Cano, Andrey, Galarza, Gabriel Pec, Leandro Castán e Morato já mostraram boas coisas (alguns mais do que outros). No gol, Vanderlei, aos 37 anos, pede passagem, deixando ótima impressão ao defender três pênaltis consecutivos na final da Taça Rio, contra o Botafogo.

Entre os reforços para a Série B, está Martín Sarrafiore, que vem por empréstimo do Internacional. A principal saída é a de Talles Magno. Muito contestado pela torcida há tempos, foi vendido ao New York City. Marcos Júnior e Carlinhos também deixaram o Vasco.

Destaques

Germán Cano Vasco
Germán Cano
: o artilheiro, o xodó da torcida vascaína, com faro de gol implacável. Tem média de um gol a cada dois jogos desde que chegou a São Januário. Aos 33 anos, o argentino é um jogador fundamental para o Vasco, e em 2021 tem nada menos que sete gols em nove partidas.

Matías Galarza Vasco
Matías Galarza
: o jovem meia paraguaio de 19 anos tem impressionado torcida e comissão técnica. Tanto que o Vasco orgulhosamente anunciou a sua contratação em definitivo, após um período emprestado pelo Olimpia.

Gabriel Pec Vasco
Gabriel Pec: cria da base vascaína, o meia de 20 anos tem obtido cada vez mais espaço no time principal. É o vice-artilheiro da equipe na temporada 2021, com seis gols em 14 partidas.


Club de Regatas Vasco da Gama

Rio de Janeiro (RJ)
Fundação: 21 de agosto de 1898
Estádio: São Januário (próprio) – 21.880 lugares
Presidente: Jorge Salgado
Técnico: Marcelo Cabo
Material esportivo: Kappa
Principais títulos: 1 Libertadores (1998), 1 Sul-Americano de Clubes (1948), 1 Copa Mercosul (2000), 4 Campeonato Brasileiro (1974, 1989, 1997 e 2000), 1 Copa do Brasil (2011), 1 Série B (2009) e 24 estaduais (1923, 1924, 1929, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1977, 1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998, 2003, 2015 e 2016).
Vs. Brusque: sem jogos oficiais.
Copa do Brasil 2021: 3ª fase, em andamento (vs. Boavista)
Carioca 2021: 5º – campeão da Taça Rio


Foto: Cano comemora gol sobre o Botafogo, na final da Taça Rio | Rafael Ribeiro/Vasco


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Deixe uma resposta