Rajadas de vento e chuva intensa causam prejuízos em Brusque; veja fotos

Quedas de árvores, de placas e de barreiras, além de alagamentos e destelhamentos, assustaram a população nesta terça-feira, 23

Rajadas de vento e chuva intensa causam prejuízos em Brusque; veja fotos

Quedas de árvores, de placas e de barreiras, além de alagamentos e destelhamentos, assustaram a população nesta terça-feira, 23

Era por volta das 18h20 desta terça-feira, 23, quando o dia virou noite e uma forte chuva caiu em Brusque e Guabiruba. Desta vez, no entanto, ela veio acompanhada de vento forte e raios.

Em cerca de meia hora já era possível contabilizar quedas de árvores, de placas e de barreiras, além de alagamentos e destelhamentos. Apesar dos estragos, ninguém se feriu. Veja galeria de fotos acima.

Assim como há uma semana, o volume de chuva foi grande. Até as 20h30 de terça-feira, havia chovido 52 milímetros no bairro Limeira Baixa, o maior índice do município. São Pedro, com 48 mm, e Guarani, com 44 mm, vieram na sequência.

Três creches da Prefeitura de Brusque foram afetadas pelo vento. No entanto, até o momento nenhum serviço de educação, saúde ou transporte foi prejudicado. A Secretaria de Obras já trabalha na limpeza das ruas, assim como o Corpo de Bombeiros no corte de árvores.

Por volta das 23h, a Defesa Civil informou que duas famílias ficaram desalojadas.

Durante a madrugada de quarta-feira, 24, os órgãos de segurança divulgaram balanços dos estragos e projeção da velocidade máxima atingida pelo vento.

Estragos pela cidade
Na rua do Centenário, no Centro, uma piscina da Engessan foi derrubada pelo vento e caiu sobre um carro que passava pela via. Na Rogério Calçados, na avenida Cônsul Carlos Renaux, uma placa caiu. Situação semelhante ocorreu com a Igreja Mundial do Poder de Deus, na rua Lauro Muller, também danificada.

O pilar de sustentação da placa em frente ao supermercado Fort Atacadista, na avenida Bepe Roza, a Beira Rio, quebrou ao meio. Estragos também foram verificados em parte da cobertura do prédio onde fica a clínica veterinária Vitavet, na avenida Otto Renaux. O mesmo aconteceu no River Mall, ao lado da Freddy Pneus.

18,5 mil sem energia
O abastecimento de energia elétrica também foi prejudicado. Segundo a Celesc, mais de 18,5 mil casas e empresas ficaram sem energia elétrica em Brusque, principalmente no Águas Claras, Azambuja, Jardim Maluche, São Pedro e Primeiro de Maio.

Casas destelhadas em Guabiruba
Em Guabiruba, muitas residências foram destelhadas, de acordo com a Defesa Civil. Além disso, ao menos três árvores caíram nas ruas. Mais de 4,4 mil unidades ficaram sem energia elétrica, principalmente no Centro, São Pedro, Aymoré e Pomerânia.

Cuidados necessários
As autoridades pedem que as pessoas tomem cuidado com fios energizados caídos nas ruas. Outro alerta é para que se evite conserto de telhados até que a área estiver segura, já que há risco de queda e choque elétrico.

Os moradores devem estar atentos aos deslizamentos e áreas de risco que se agravam durante as chuvas. O órgão destaca que ao perceber qualquer movimentação de terra é importante que o morador deixe sua residência e entre em contato com a Defesa Civil o mais rápido possível, por meio dos telefones 199 ou 3396-7413.

Volumes de chuvas registrados por bairro:

Limeira Baixa
52,20 mm

São Pedro
48,00 mm

Guarani
44,00 mm

Volta Grande
35,40 mm

Zantão
32,00 mm

Primeiro de Maio
31,60 mm

Cedro Alto
26,60 mm

Dom Joaquim
22,40 mm

Limeira Alta
22,00 mm

Volumes registrados até as 20h30 desta terça-feira

Fonte: Defesa Civil de Brusque

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio