Verão termina com média de 26°C em Brusque

Estação manteve média histórica dos últimos anos; dia mais quente foi registrado em dezembro, com 41,4ºC

Verão termina com média de 26°C em Brusque

Estação manteve média histórica dos últimos anos; dia mais quente foi registrado em dezembro, com 41,4ºC

O verão, que encerrou na segunda-feira, 20, teve temperaturas dentro da média histórica em Brusque. Foi registrado durante a estação uma média de 26ºC, conforme o blogueiro de O Município, Ciro Groh, que possui três estações meteorológicas no município.

O dia 27 de dezembro foi o mais quente do verão, quando registrou-se no bairro Rio Branco 41,4ºC. A estação, basicamente, ficou dividida em duas fases de calor. A primeira de 18 de dezembro a 15 de janeiro e a segunda de 12 de fevereiro até meados de março.

“Apesar de constantes ondas de calor terem atingido Brusque, dando assim a impressão que o verão de 2017 foi mais quente que o comum, a média da temperatura ficou dentro do normal dos últimos anos”, diz Groh, que reforça que não teve nenhum fenômeno que pudesse chamar atenção. Inclusive, as médias de chuvas ( ver no detalhe) ficaram dentro da normalidade.

O que tornou o calor mais intenso foi o longo período de abafamento, segundo o meteorologista Ronaldo Coutinho. Devido às madrugadas quentes, a sensação de calor foi constante ao longo dos dias.

Já a maior onda de calor dos últimos anos foi registrada em 2014, com temperatura média de 27,1ºC. No dia 8 de fevereiro daquele ano foi contabilizado 41,8ºC, conforme os registros de Groh.

No entanto, nem somente de calor o verão foi marcado. Durante a estação se chegou a temperaturas que variaram de 12.9ºC a 17ºC. No dia 5 de dezembro de 2016, às 5h30, no Santa Luzia, foi registrado 12.9ºC, e no dia 13 de janeiro deste ano, às 5h50, também no Santa Luzia, a temperatura foi de 17ºC.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio